RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 9 de março de 2020

INFESTA SOFRE AO CAIR DO PANO

Complexo da Quinta da Mesquita
AF Porto Divisão de Elite Série 1 (Jornada 25)
Árbitro: João Dias
Avintes 2-1 Infesta


Ao intervalo: 1-0
Marcadores: João Rodrigues (8), Roberto (44) e Ribas (90+4) 


Avintes: Miguel Paiva, Rafa, Ribas, Renato, João Sousa (Pedro Vieira, 89), Paulo Freixo (Tiago Silva, 62), Pedro Nova, Bruninho, Roberto, Lapa (Névoa, 89) e Pedrinho (Henrique, 89)

Treinador: Paulo Campos


Infesta: Pedro, Malícia, Ricardo, André, Morales, Luís Carlos, Lucho, Morgado (Batista, 70), Mário (Bessa, 62), Dani (Maia, 46) e João Rodrigues 

Treinador: Bruno Costa  


O Infesta sofreu um revês nos seus objetivos na temporada, depois de um golo ao cair do pano.

João Rodrigues conseguiu apontar o primeiro do Infesta aos oito minutos, mas a terminar a primeira parte Roberto aos 44 fez o empate para o Avintes.

Mesmo a terminar o encontro Ribas aos 90+4 fez o golo do triunfo para o Avintes.

O Infesta, 15.º classificado com 16 pontos a 22 de março recebe o Pedroso, último classificado.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

ALDEIA NOVA SOFRE DESAIRE EM CASA DO SOBREIRENSE

Complexo Desportivo do Sobreirense, em Paredes
AF Porto I Divisão Série 1 (Jornada 22)
Árbitro: Tiago Barbosa
Sobreirense 2-1 Aldeia Nova


Ao intervalo: 0-1
Marcadores: Zé Paulo (14), João (73) e Mendes (80)


Sobreirense: Guga, Guimarães (Rafa, 78), Poças, Renato (Iuri, 60), Tiaguinho, Sérgio, Lopes (Mendes, 46), Bruno, Paulo, Miguel e João.

Treinador: Eduardo Mota


Aldeia Nova: Pinheiro, Gonçalo F, Vieira, Batista, Sérgio, Mazola (Ribeiro, 88), David, Peneda, Simão (João, 17), Rosas (Ezequias, 88) e Zé Paulo.

Treinador: Leão 


O Aldeia Nova entrou muito bem no jogo, conseguiu jogar praticamente toda a primeira parte no meio campo adversário, criando boas jogadas e ocasiões de golo mas apenas conseguiu marcar por uma vez através de Zé Paulo aos 14 minutos. 

Ainda na primeira parte Simão saiu do jogo muito mal tratado com o nariz partido por um choque entre dois atletas adversários. Na segunda parte, o Sobreirense criou mais dificuldades à equipa de Matosinhos mas mesmo assim o aldeia nova podia ter chegado ao dois a zero mas Martins falhou a grande penalidade. 

O Sobreirense motivou-se e começou a criar mais perigo, chegando mesmo ao golo com um penalti ao qual a formação do Aldeia Nova criticou no mínimo por João aos 73. Pouco tempo depois através de livre em que nao conseguiram tirar a bola da área, sofreram o 2-1, por Mendes aos 80.

O Aldeia Nova é sétimo classificado com 33 pontos e em 23 de março recebe o Crestuma.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

SENHORA DA HORA A UM PONTO DE SAIR DA ZONA VERMELHA

Estádio do Senhora da Hora
AF Porto I Divisão Série 1 (Jornada 22)
Árbitro: Fernando Montenegro
Senhora da Hora 1-0 Torrão

Ao intervalo: 0-0
Marcador: Fredy (59)
Disciplina: Cartão vermelho para Fredy (80 por acumulação de amarelos)


Senhora da Hora: Pedro, Bruno, Rhuan, Jailton, Jean, Ricardo (Rui Sousa, 46), Fredy, franck (Artur, 69), Rafa (Sá, 37), João (Bocas, 84) e Diego

Treinador: Abílio


Torrão: Rúben Pinto, Armando, Matheus, Emanuel (Luisinho, 77), Henrique, PT, Tomás (Chris, 77), Bruno (Ferraz, 60), Bruno Fonseca, Marco e Nora (David, 60)

Treinador: Jorge Leça


O Senhora da Hora consegue um triunfo importante que o deixa mais perto de poder sair da zona vermelha do campeonato a oito jornadas do fim. Com este resultado quebra um ciclo de dez jogos sem conhecer o sabor da vitória. 

Ambas as equipas apresentam um bom futebol ofensivo de qualidade que agradava aos presentes no estádio, sendo que o lance de maior perigo para o Torrão foi por Marco Moreira na primeira parte e para o Senhora da Hora foi Diego.

Na segunda parte o domínio nos primeiros 15 minutos foi total para o Senhora da Hora, que teve um bom par de oportunidades, com a bola a conhecer o fundo das redes aos 59 minutos por Fredy que recebeu um passe adiantado de um seu colega para rematar em jeito e com força ao qual o guardião do Torrão com uma defesa incompleta vê a bola entrar no fundo das redes.

A partir daqui qualquer um podia ter marcado, devido ao bom jogo de parada e resposta, com o Senhora da Hora a jogar os últimos 14 minutos com 10 jogadores devido à expulsão de Fredy aos 80. 

O Senhora da Hora, 15.º classificado com 18 pontos vai ao terreno do São Félix da Marinha.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino 

OUTROS RESULTADOS DO FIM DE SEMANA MATOSINHENSE

Futebol:

Sub 23:
Senhora da Hora 1-1 SC Coimbrões
Perafita 1-3 Oliv. Douro


Sub 19:
Padroense B 7-0 AD Grijó
Leça FC 1-1 Rio Ave
Infesta 2-2 AR São Martinho
Leça FC B 0-3 Hernâni Gonçalves
Infesta B 0-3 FC Pedras Rubras B
Maia Lidador B 2-0 Leça do Balio
EF Macieira da Maia 4-1 GD Aldeia Nova



Sub 17:
Leixões 0-1 Boavista B
Leça do Balio 0-3 FC Pedras Rubras
Vila FC 2-1 Lavrense
Leça FC 3-1 Padroense B
Leça FC B 5-1 GD Aldeia Nova
Infesta 9-0 Custóias FC
Leça do Balio Jun.B S16 0-1 Leixões B
Senhora da Hora 0-4 Folgosa da Maia
Infesta B 7-0 FC Gaia


Sub 15:
Rio Ave B 2-1 Leça FC
Leixões 1-0 CD Candal
Leça do Balio 0-3 Valadares Gaia
Padroense 1-4 SC Coimbrões
Leixões B 3-2 Dragon Force
FC Pedras Rubras 2-3 Lavrense
Alfenense 0-2 Leixões C
GD Aldeia Nova 5-1 Senhora da Hora
Geração Benfica Matosinhos 7-1 Perafita
Lavrense 0-11 FC Foz
Leça do Balio 0-12 Infesta
Leça FC B 0-4 Custóias FC


Sub 13:
Custóias FC 6-0 Senhora da Hora
Perafita 0-0 Leça FC
Infesta 1-1 FC Pedras Rubras
Nogueirense FC Jun.D S12 0-1 Lavrense
Leça do Balio 1-2 Leixões B


Veteranos:
Leixões 1-1 Custóias FC
Sport Canidelo 3-1 GDRJ Ribeiras
Gondim-Maia 2-2 Infesta
Lavrense 1-1 AR Francelos


Futsal:

Séniores:
Cohaemato 4-4 USC Paredes
Leixões 1-2 AA Leça
Leça FC 2-3 ADC Morad. Urb. Areias
Maia Futsal 1-1 Barranha SC


Sub 17:
AD Polenenses 3-2 ADC Santa Isabel
Freixieiro 4-7 Brás Oleiro
Leixões 0-3 Arcozelo
Bairro do Viso 4-2 Junqueira


Sub 15:
Paços de Ferreira 5-6 AA Leça
Junqueira 3-4 Ac. Pedras Rubras
AM Lomba 2-3 Alfa AC  
Iniciação S. Roque 35-1 Leixões
Cohaemato 9-0 Fonte Moura


Veteranos:
AD Polenenses 2-1 CP Rio Tinto
Alfa AC 7-4 SC Salgueiros


Diogo Bernardino

SUB-18 DO LEÇA COM DERROTA INESPERADA

Complexo Municipal de Leça da Palmeira
AF Porto 2.ª Divisão Série 3 (Jornada 21)
Leça 0-3 Hernâni Gonçalves


Onze: GR- Bruno Guimarães, DD- Carlos Monteiro, DC- Pedro Lima (João Santos, 70), DC- Rui Válega , DE- Diogo Carvalho, MD- Miguel Macedo, M- José Falcão, M- Nuno Vinha (Nuno Santos, 45), EX- Tomás Rocha (Miguel Pereira, 45), EX- Gonçalo Azevedo e PL - André João (Diogo Fonseca, 80)

Cartões não houve Golos: Hernâni (10, 33 e 58)
Os Sub-18 do Leça, perderam, no seu último jogo do campeonato, a oportunidade de passar à segunda Fase da competição, com uma derrota inesperada, num jogo em que o Leça esteve irreconhecível e nervoso.

Apenas a precisar de 1 ponto para a passagem, os jovens Leceiros falharam aquilo que já vinham a adiar há muito tempo.
A equipa do AJE Hernâni Gonçalves estragou a “festa” aos Leceiros, jogando de uma forma simples e objetiva, onde na primeira parte conseguiu garantir a vantagem de 2 bolas, fazendo cair a pique a moral do Leça FC, que ainda ficou a ver mais longe o seu objetivo quando sobre o terceiro golo.

A derrota por 0-3, manchou a boa campanha que os Sub-18 vinham a desempenhar, e que vinham até então a afirmar-se como os mais sérios candidatos a passagem para a segunda Fase.

Os Sub-18 do Leça voltam entrar em ação na Taça Complementar, prevista a começar no próximo mês de Abril

Termina assim para o Leça esta primeira Fase do Campeonato, onde deixaram o seguinte registo: Terceiro Lugar, 34 Pontos, 16 Jogos, 10 Vitórias, 4 Empates, 2 Derrotas, 53 Golos Marcados, 20 Golos Sofridos.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

EMOÇÃO E GARRA DÃO AO LEÇA TRIUNFO NA TROFA

Estádio do Clube Desportivo Trofense
Campeonato de Portugal Série B (Jornada 25)
Árbitro: Marco Cruz (AF Porto)
Trofense 2-3 Leça

Ao intervalo: 1-2
Marcadores: Greenwood (9), Samuel Teles (22), Isaac Cissé (43 e 84) e Niang (49)
Cartões: Materazzi (42), Cristiano (53), Cláudio Borges (70), Alan Júnior (72 e 75), Paulo Lopes (80), Niang (85), Samuel Teles (88) e Adilson (90+2)


Trofense: Pedro Cavadas, Edu, Materazzi, Mika, Miguel Pereira (Tiago Graça, 52), Hélder Sousa, Tiago Gonçalves, Felipe Abreu (Alan Júnior, 46), Bruno Almeida, Niang e Greenwood (Capemba, 67)

Treinador: António Barbosa


Leça: Jorge Cristiano, Cláudio Borges, João Pedro, Pecks, Paulo Lopes (Lapushenko, 85), Samuel Teles, Nelsinho, João Paulo, Bruno Simões, João Paulino (Adilson, 70) e Isaac Cissé (Rafa Cardoso, 90+1). 

Treinador: Domingos Barros


Foi na raça e na persistência que o bis de Isaac Cissé e o golo de Samuel Teles permitiram a que o Leça conseguisse garantir três pontos de ouro e reduzir a diferença para o segundo lugar a quatro pontos do Lourosa, depois do desaire da equipa aveirense.

O Leça começou o encontro com uma novidade, apresentado Bruno Simões no lugar de Adilson que entrou aos 70 minutos de jogo, com a equipa leceira a jogar em 4x4x2.

Num jogo muito emocionante, que levou a uma expulsão por acumulação de amarelos do lado do Trofense por parte de Alan Júnior, dois jogadores do Trofense a saírem lesionados como o Miguel Pereira e o Felipe Abreu e dois penáltis, um para cada lado, fizeram com que a vitória do Leça tivesse um sabor extra além do triunfo.

Numa tarde cheia de emoção e de intensidade, o Trofense começou melhor com um golo de Greenwood aos nove minutos com um remate potente após um passe atrasado de Felipe Abreu que aproveitou a má entrada leceira no encontro.

O Leça com qualidade consegue passar para a frente do marcador, primeiro aos 22 minutos por Samuel Teles que fez o seu primeiro golo na época após um lançamento longo de Cláudio Borges e depois aos 43 por Isaac Cissé de grande penalidade que fez o seu quatro golo no campeonato.

No intervalo, o Trofense sofreu uma contrariedade com a saída forçada de Felipe Augusto que teve de ser transportado para o hospital, com o Trofense a mudar para o 4x4x2 com a entrada de Alan Júnior, emprestado pelo Leixões.

Aos 49 minutos, o Trofense chegou ao empate por Niang numa grande penalidade bem assinalada, deixando Jorge Cristiano pregado ao relvado sem reação.

Aos 53 minutos, mais uma contrariedade para a equipa da casa, com Miguel Pereira a lesionar-se e a também ser transportado para o hospital.

Aos 72, o árbitro expulsa um elemento da equipa técnica do Leça por motivos de protesto no primeiro lance que Alan Júnior vê o cartão amarelo.

Aos 75 minutos, não paravam as más notícias para a equipa da Trofa com Alan Junior a ser expulso por acumulação de amarelos.

Em superioridade numérica, o Leça tentava chegar ao golo da vitória depois de lances de João Paulino, Nelsinho e Isaac Cissé, chegou ao tento que tanto esperava aos 84 minutos, num pontapé de canto, ao qual o avançado costa-marfinense Isaac Cissé ao segundo poste numa segunda bola rematou para o fundo das redes. Quinto golo em cinco jogos do reforço de inverno.

O Leça é quarto classificado com 46 pontos e na próxima jornada, recebe o primeiro, o Arouca e com o desaire do Lourosa o Leça volta a estar a quatro pontos da possível ida ao play-off.


Fonte da Foto: Leça FC


Diogo Bernardino    

EXCLUSIVO: NUNO SILVA E FADHIL SÃO REFORÇOS DO PERAFITA

O defesa Nuno Silva (ex-Melres) e o avançado iraquiano Fadhil (ex-Alfenense) são reforços do Perafita até ao final da temporada, soube hoje em exclusivo o Mitchfoot.

O extremo direito/esquerdo de 23 anos Fadhil realizou na primeira metade da época cinco jogos. Além do Alfenense, representou o Águas Santas, Gervide e Candal.

O defesa de 27 anos Nuno Silva que no início da época não tinha clube encontrou espaço no Perafita, depois de ter representado o CA Rio Tinto e o Altis Paredes.

Estes dois jogadores reforçam um plantel constituído com 28 elementos.


Fonte da Foto: Perafita


Diogo Bernardino 

PERAFITA DÁ 45 MINUTOS DE AVANÇO

Estádio do Perafita
AF Porto I Divisão Série 1 (Jornada 22)
Árbitro: André Itenso
Perafita 1-1 Ataense


Ao intervalo: 0-1
Marcador: Careca (15) e Brandão (73)


Perafita: Mourão, Rafa (Pacheco, 75), Tuta, Bernardo, Chico (Nuno, 75), Pedrilson, Pedro Branco (Fadhil, 45), David Costa, Resende (Faustino, 85), Bruno Machado (Paulinho, 45) e Brandão.

Treinador: Paulo Gentil


Ataense: Diogo, Mouta, José, Filipe, Marco (Diogo Costa, 75), Pedro, Moura, Carlos (Gonçalo, 80), André (Paulo, 80), Adão (Amadeu, 80) e Careca

Treinador: José Gonçalves


O Perafita com uma primeira parte abaixo das expetativas, conseguiu na segunda alcançar um ponto importante na luta pela manutenção na divisão, mas um empate amargo por ter dado 45 minutos de vantagem ao adversário.

Na primeira parte, apesar da equipa da casa ter entrado bem na partida e ter pressionado o adversário, estes criaram perigo sempre em contra ataque e tiveram uma oportunidade de golo frente ao guarda-redes Mourão que fez muito bem a cobertura da baliza.

O Perafita reagia e num canto onde a bola foi colocada ao segundo poste o cabeceamento não teve a melhor direção.

Estava a ser um jogo equilibrado e decidiu-se o marcador na primeira parte, num livre directo da equipa adversária onde a bola bateu na barreira e traiu o guardião da casa. 

Após o Perafita ter feito umas modificações em termos posicionais, iniciou-se os segundos 45 minutos de futebol ofensivo. Futebol em toda a largura do campo, onde o Perafita alternava com o jogo interior e jogo exterior, a verdade é que estava a faltar a finalização.

Primeiro Fadhil que estava perante o guardião rematou para fora. Depois um livre descaído pelo lado direito e após o cruzamento de um jogador da casa, faltou quem aparecesse ao segundo poste para finalizar.

De seguida tiveram nova oportunidade com o avançado Brandão até que aos 73 minutos e após um remate fora da área de Brandão estava feita a igualdade no marcador. 

Com o Perafita por cima no jogo, o caudal ofensivo não parava, tiveram mais oportunidades claras de golo, mas a bola teimava a não entrar como foi o livre directo de Bernardo em que a bola acertou em cheio no poste.

O Ataense num canto aos 80 minutos teve uma boa oportunidade onde remataram para fora.

O Perafita, 16.º classificado com 12 pontos vai na próxima jornada ao terreno do Vandoma realizar o jogo que estava adiado pois se triunfar fica a quatro pontos de poder sair da zona vermelha do campeonato com nove jornadas para o fim do campeonato.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

QUEM NÃO MARCA SOFRE

Campo de Jogos Municipal de São Pedro de Fins
AF Porto 2.ª Divisão Série 1 (Jornada 25)
Árbitro: José Moreira
São Pedro de Fins 4-2 Gatões 

Ao intervalo: 2-1
Marcador: São Pedro de Fins (15, 40, 55 e 75) e Ricardo Santos (25) e Botelho (47)


Gatões - Vieira, Miguel, Tiago Maia, Lages, Nando, Márcio, Salazar, João Nuno, Ricardo Santos, Marinho e Botelho.

Suplentes - Vítor, Sena Ricardo Monteiro, Adu, Amaral, Chico

Treinador: Edgar Ribeiro


O Gatões sofre um revês no seu objetivo, que passa por ficar em sétimo lugar, a dois pontos do Gervide, ao perder por 4-2, regressando aos desaires um encontro depois.

Num jogo onde o Gatões teve várias oportunidades o S. Pedro de Fins, conseguiu chegar à baliza do Gatões cerca dos 15 minutos de jogo e numa bola cruzada para a área, descreve um arco entrando no lado contrário, sem qualquer hipótese de defesa.

O Gatões não acusa o golo e passados 10 minutos empata por Ricardo Santos. O São Pedro de Fins teve algumas dificuldades em conseguir chegar à baliza. Aos 40 minutos num lance dominado pelo jogador do Gatões, atrasa ao guarda redes, mas com pouca força, conseguindo o adversário chegar à bola primeiro que Vieira, fazendo o 2-1. 

No segundo tempo, entrada forte do Gatões e empata logo aos 47 minutos por Botelho. A toada manteve se e aos 55 minutos um lance duvidoso ao qual o árbitro interpreta como uma grande penalidade, coloca novamente o S. Pedro em vantagem. 

Depois foi uma constante o Gatões tentar chegar ao empate, sem resultado, acabando por sofrer mais um golo na própria baliza num pontapé de canto aos 75. 

O guarda redes do Gatões, só aos 80 minutos de jogo fez a sua única defesa. 

O Gatões é nono classificado com 32 pontos na próxima semana recebe o Tirsense B.


Fonte da Foto: HR


Diogo Bernardino

LUSITANOS COM CINCO MINUTOS NEGROS FRENTE AO ÁGUAS SANTAS

Estádio do Grupo Desportivo de Águas Santas
AF Porto I Divisão Série 1 (Jornada 22)
Árbitro: Ivo Costa
Águas Santas 3-0 Lusitanos

Ao intervalo: 0-0
Marcadores: Benny (82), João Rodrigues (84) e Ricardo (86)


Águas Santas: Simão, Ricardo, Diogo Pinto, Tavares, Sousinha, Rubinho (Carlos, 87), João Rodrigues  (Mailon, 87), Gui, Fernando Gomes (Diogo Assis, 90), Rúben Sousa e Tiago Costa (Benny, 46, Fernando Campos, 90).

Treinador: Ricardo Vital


Lusitanos: Bruno Pereira, Paulo Gonçalves (Fabinho, 68), Tiago, Diogo Duarte, Fernando, Pina, Rúben (Leitão, 88), Ivo, Saimon, Jota (Marcelo, 68) e Paulo Pereira

Treinador: Albino Guerra 


O Lusitanos perdeu em casa do Águas Santas por 3-0, num encontro em que a equipa de Santa Cruz sofre três golos em cinco minutos.

O Lusitanos chega assim ao terceiro jogo consecutivo sem vencer.

Num jogo com 80 minutos repartidos o Águas Santas conseguiu marcar aos 82 por Benny. 

Com o desnorte do Lusitanos a equipa maiata consegue mais dois golos em contra ataque que acabou com as hipóteses dos forasteiros pontuarem. 

Resultado expressivo face ao desenrolar do jogo.

O Lusitanos, 12.º classificado com 22 pontos recebe em casa o Perafita em 23 de março às 15:00.


Fonte da Foto: HQ


Diogo Bernardino

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC