RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 13 de março de 2017

BALANÇO QUANDO ENTRAMOS NA FASE DECISIVA.


Quando já cumpridos três terços dos diversos campeonatos da AF Porto em que estão inseridos os clubes de Matosinhos, o balanço é mais ou menos positivo verificando-se o posicionamento dentro de todas as  situações e objectivos.

Divisão D´Elite, Leça FC, UD Lavrense e Padroense FC, não conseguiram atingir a fase de promoção, partindo agora para um campeonato (fase de permanência/despromoção 10 jogos) com a metade dos pontos alcançados na primeira fase. Sendo que partem com uma almofada de pontos que lhe permitem encarar esta fase com bastante optimismo.

Quando caminhamos para entrar nas decisões, da Divisão de Honra (faltam 8 jogos para o final) Infesta, Perafita mantem-se na luta pela promoção à Elite.
 Os azuis e brancos de São Mamede, tem pautado o seu campeonato pela consistência de resultados e com exibições a condizer, é uma equipa com bastante equilíbrio entre os seus sectores como provam os números alcançados até à 22 ª Jornada (35 marcados e 19 golos sofridos, sendo o 2º melhor ataque da prova, só superado pelo Ermesinde e a 3ª melhor defesa) 10 vitórias e 9 empates e apenas 3 derrotas. Jorginho o técnico tem mostrado capacidade de liderança e conseguiu incutir no seio do grupo uma cultura de vitória que deixa a antever e apesar da forte concorrência que a divisão d´Elite pode ser o próximo passo.
Os azuis e branco de Perafita, que depois de um inicio ameio gás, talvez por ter sentido um forte abalo, ao desperdiçar duas chances de repescagem para ficar na divisão maior da AF Porto, tem semana a semana tem vindo a subir os níveis de confiança, e degrau a degrau tem subido ligares na tabela classificativa. Encontrando-se no 7º posto a apenas três pontos do lugar de acesso ao play.off de promoção.
Ao contrário da turma de Perafita, o D Leça do Balio, tem vindo a descer até ao ponto de ocupar um lugar bastante perigoso no que à despromoção diz respeito, os baliense que são estreantes na prova,  já mudaram de comando técnico, prometeram bastante no inicio, mas tem vindo a cair principalmente quando passaram a jogar em casa emprestada por motivos de colocação de novo piso sintético no complexo desportivo de Leça do Balio.

Na 1ª Divisão e quando já realizadas 21 jornadas, Custóias e os Lusitanos de Santa Cruz lutam por objectivos diferentes. 
A equipa do Custóias que chegou a ser uma cliente habitual do pódio, tem vindo nos últimos jogos a perder algum fulgor, e vê cada vez mais difícil voltar a ocupar os lugares que lhe permitam ascender à Divisão de Honra (9 pontos separam os custóienses do 2º cl. Balasar)
Em Santa Cruz do Bispo, mora a preocupação, a equipa que já mudou de comando técnico por duas vezes, não consegue encontrar o caminho da tranquilidade e está posicionada no cauda da tabela tendo atras de si só a equipa do Torrão, 5 pontos separam os aurinegros do Perosinho, clube gaiense que ocupa o ultimo lugar de permanência.


Na 2ª divisão Serie 1 GD Aldeia Nova e SC Senhora da Hora, tem vindo a fazer um campeonato nivelado por cima, alternando constantemente a posição nos lugares cimeiros (objectivo fase de promoção) Os Perafitenses mais confortáveis estão apenas a 2 pontos do 2º cl. São Feliz da Marinha, os senhorenses complicaram as contas (6 pontos separam o SCSH do objectivo) no passado domingo, ao ceder 3 pontos em casa frente ao Gervide uma equipa sem grande ambições nesta divisão. Quando Faltam 5 jogos para terminar a 1ª fase, ambos os clubes matosinhenses mantem as legitimas as suas aspirações.

PERAFITA CEDE EM CASA MAS CONTINUA FOCADO


Divisão de Honra Jornada 22
Estádio do Perafita – Matosinhos
Árbitro, Rui Fangueiro
Cartão Vermelho Zé Augusto (90+7)
PERAFITA 0 AVINTES 1
Ao intervalo, 0-0, golo Jonas (90+6)

FC PERAFITA: Bruno Monteiro, Pelé, Zé Augusto, Fradinho, Morgado Queimado (Ivo Miguel 90+4), Marco e Gabi, Barbosa (João Paulo 74), Chico e Tiago Loureiro. Treinador Paulo Gentil

AVINTES: Humberto, Bruno, Paulo Freixo, Viana, Serginho (Hugo Figueiredo 72) Vitinha, Avelino (Jonas 72), Djaló, Oliveira, Renato e Gomes. Treinador Paulo Alexandre.

A equipa do FC Perafita, que teve um inicio da competição algo frouxa, a denotar algum desanimo afectada talvez por não ter aproveitado as sucessivas hipóteses para se manter na Elite, tem vindo  a fazer um recuperação simplesmente notável, fruto das exibições bastantes consistentes, dando clara evidencia que a equipa está viva assumindo-se uma das candidatas à subida de divisão, seja ela directamente ou através do play.off

No encontro deste Domingo, a nota mais dominante foi o equilíbrio patenteado. Tanto a turma de Paulo Gentil, como a orientada por Paulo Alexandre, criaram chances para marcar. O jogo que nem sempre bem jogado, fruto talvez pelo forte vento que se fez sentir, Tanto poderia ditar um vencedor para um lado como para o outro, sendo que o brinde saiu para aos forasteiros no período de descontos Com o golo apontado por Jonas ao cair do pano, e tirando partido da derrota do Ermesinde em Gaia, o Avintes assume a liderança da prova.  

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC