RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 27 de abril de 2020

TIAGO CARVALHO É REFORÇO DO ALDEIA NOVA POR UMA TEMPORADA

O avançado do Aldeia Nova Tiago Carvalho é a primeira bomba do mercado em Matosinhos proveniente do Perosinho, assina contrato por uma temporada, revelou o clube no seu Facebook.

"Esta época o atleta vai ter o nosso símbolo ao peito, vai vestir a camisola 17 e será uma mais valia no nosso sector mais avançado", descreve o Aldeia Nova.

Ao serviço do Perosinho realizou 21 encontros e apontou nove golos, o que equivale a uma média de 0,24 golos por jogo, sendo que os seus golos ajudaram o clube a conquistar 16 pontos.

Como sénior começou a carreira como sénior no Infesta, depois pelo Custóias, chegou ao Lavrense em 2012/13 e pelo meio em 2014/15 representou o Padroense. Em 2018/19 reforçou o Avintes aonde realizou nove jogos e apontou dois golos.

Tiago Carvalho regressa uma época e meia depois a Matosinhos e vai representar a sua sétima equipa do concelho no historial.

Tiago Carvalho realizou a sua formação no Leixões, Senhora da Hora e Infesta.


Fonte da Foto: Aldeia Nova


Diogo Bernardino

EXCLUSIVO: ALBINO GUERRA MANTÉM-SE NO COMANDO TÉCNICO DO LUSITANOS

O treinador Albino Guerra continua ao comando do Lusitanos, tendo como adjunto Fernando Guerra, soube o Mitchfoot em exclusivo.

A equipa técnica tomou conta do clube desde o último jogo de 2019 em casa frente ao Ramaldense.

Nesses jogos, conquistou dois triunfos, cinco empates e três derrotas.


Fonte da Foto: Lusitanos


Diogo Bernardino

EXCLUSIVO: "COMETI O ERRO DE QUANDO FOI ANUNCIADO O REGRESSO NÃO TER VINDO LOGO"

O médio que representou o Gatões na época passada, Adu Mendes revelou que "cometi o erro de quando foi anunciado o regresso não ter vindo logo", gostaria de continuar, em exclusivo ao Mitchfoot.


MF - O que achas da decisão da AF Porto?

AM - A meu ver foi uma decisão sensata sendo que o desejo que eu tinha e dos meus companheiros de equipa era acabar a temporada para conseguirmos obter mais vitorias e também subir mais uns lugares na classificação que na altura era algo muito alcançável fazendo ainda mais numa temporada que por si só já foi excelente.



MF - Como descreves a tua temporada a nível de equipa e pessoal?

AM - A nível do coletivo acho que posso transcrever as palavras dos meus treinadores (Edgar e Humberto) e colegas de equipa (João e Ricardo) que num ano zero e com muita gente que já não jogava desde da formação, conseguimos fazer os resultados muito positivos com muita raça, entrega e querer, sempre com objetivo de mostrar que não víamos para passear neste campeonato.

A Nível pessoal, pode-se dizer que tentei dar o meu melhor, mesmo sabendo que não estava a render aquilo que posso render, faltando me confiança e uma pré-epoca mal feita, algo que derivou do diferendo que tive com o meu anterior clube que fez com que perdesse o inicio de época e assim tendo ficado a treinar durante algum tempo até a minha inscrição. Para além também cometi o erro de quando foi anunciado do regresso do Gatões FC de não ter vindo logo para a beira deste grupo fantástico e assim ter feito a pré-época ao lado deles e ter associado logo de início as ideias dos Treinadores.



MF - Como é que tens lido com a situação?

AM - Tem sido um bocado complicado, porque ficamos todos confiscados em casa ou a sair só para ir trabalhar ou comprar bens essenciais para a nossa alimentação e higiene, respeitando sempre o distanciamento social e as recomendações da DGS, aguardando que esta situação termine mais rapidamente possível para o bem de todos.



MF - Como tem sido a adaptação ao teletrabalho?

AM - Por acaso não faço teletrabalho porque uma das empresas para qual trabalho como especialista de equipamentos para futebol e para a prática do mesmo esta em layoff e outra é uma cadeia de supermercados que ai tenho estado a trabalhar para que não falte bens alimentares aos portugueses.



MF - Como é que fazes o plano de treinos?

AM - Como sabes nos não somos profissionais, mas mesmo assim há quem se vai cuidando, no meu caso como tenho o meu irmão que joga no Freixieiro nós vamos treinando diariamente porque um puxa o outro com alguns treinos de bola, corridas noturnas pela Senhora da Hora e algum trabalho de força em casa. Sabendo que nunca é o suficiente, mas que dá uma pequena ajuda para estarmos minimamente preparados para o início os trabalhos.



MF- Já deves ter saudades do relvado?

AM - Saudades são imensas, do relvado, dos companheiros, dos treinos, dos misteres incentivar e também do exaltar, de tudo mesmo porque foi o reencontrar ex colegas e amigos de formação e outros que acabei por conhecer que vieram acrescentar ainda mais num ambiente positivo e familiar entre todos. 



MF - Gostaria de continuar no clube e porque?

AM- Sim, sem dúvida é um clube que fez parte da minha formação. Gosto imenso do grupo de colegas e amigos de equipa que foi criado, da equipa técnica que procura sempre a nossa evolução e da direção que vai sem duvida conseguir arranjar meios para conseguirmos na próxima época jogar em nossa casa perante os nossos e como nos dizemos na brincadeira sentir a mística do Gatões FC no nosso campo, para alem de fazer mais e melhor na próxima época. Mas como te digo tudo vai depender se a Equipa Técnica da o aval para a minha continuação na representação do clube.



MF - Que mensagem queres deixar aos adeptos do futebol de Matosinhos e em particular ao do teu clube?

AM - Deixo uma mensagem de otimismo para todos não só adeptos como atletas, temos de continuar esta batalha contra o vírus e que mais tarde ou mais cedo vamos voltar a fazer o que gostamos que é jogar futebol com os nossos companheiros e representar os nossos clubes.

Melhores Cumprimentos ao Mitchfoot Matosinhos pelo trabalho na divulgação excelente do Desporto de Matosinhos e em especial ao Diogo Bernardino pelo convite que me deixou surpreendido, mas aceitei com muito agrado.



Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

ATLETAS DA EQUIPA PRINCIPAL AJUDARAM NAS LIMPEZAS E PINTURAS DO ESTÁDIO

Os avançados Miguel Pinheiro, Paulo Sousa e o defesa e capitão de equipa Tuta ajudaram os sócios e simpatizantes do clube nas limpezas e pinturas do estádio a 25 de abril, referiu o clube no Facebook.

"Ajuda essa que foi feita sempre no maior cuidado e proteção", revelou o clube.

O Objetivo deste projeto passa pela sustentabilidade do clube e uma aposta forte na formação da equipa.


Fonte da Foto: FC Perafita


Diogo Bernardino

PEDRO SANTOS DEIXA O COMANDO TÉCNICO DOS SUB-19 DO INFESTA

O treinador dos sub-19 do Infesta Pedro Santos deixa o comando técnico dos infetistas, revelou depois de uma época ao serviço deste escalão, revelou no seu Facebook.

"Fim de Uma Etapa! Termina assim a minha ligação a este clube tão Especial para mim. Foi com grande dedicação e paixão que representei mais uma vez como Treinador este Clube. Uma Época muito difícil mas completamente saborosa por tudo o que fizemos e contra tantos adversários! O caminho continua e o futuro irá trazer novidades", descreveu.

Pedro Santos já representou o Leixões, Nogueirense e Paços de Ferreira.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

TREINADOR MIGUEL FARIA DEIXA OS SUB-18 DO PADROENSE

O treinador Miguel Faria deixa os sub-18 do Padroense depois de duas épocas como o treinador deste escalão, revelou na sua página oficial.

"Os meus objectivos no PADROENSE FC passaram sempre por contribuir positivamente pelo desenvolvimento de um projecto competitivo, com eficiência, qualidade e ‘alma’. São estes os factores que considero de sucesso e pilares essenciais para o posicionamento que sempre ambicionei para o meu clube, os meus atletas, a minha ‘família’ Padroense", descreveu.

"Considero que esses objectivos foram alcançados e é agora chegado o momento de entregar este projecto a alguém que assuma este mesmo compromisso, e de o continuamente melhorar, com todos os maravilhosos atletas dos quais tanto me orgulho de ter ensinado, de com eles ter aprendido e que para sempre guardarei na memória e coração", mencionou.

Miguel Faria ainda não mencionou qual vai ser o futuro para a época 2020/2021.

Miguel Faria chegou ao Padroense proveniente do Canidelo e do Candal.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino


PEDRO ALLEN DEIXA O LEIXÕES APÓS TRÊS ANOS NA FORMAÇÃO DO CLUBE

O médio Pedro Allen revelou que vai deixar o Leixões após três temporadas ao serviço do clube, nas redes sociais.

"Após três anos de verdadeiro amor a este clube, a minha ligação com o Leixões S.C. chega ao fim. Queria agradecer a todos os jogadores, treinadores, coordenadores, diretores e até ao presidente por todo o apoio que me deram sempre.. foram 3 anos com algumas lesões o que fez com que por vezes não pudesse dar o meu melhor", revelou o jogador.

Pedro Allen não revelou nos comentários alguma indicação de qual pode ser o seu destino na época 2020/2021.


Fonte da Foto: Duarte Rodrigues


Diogo Bernardino

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC