domingo, 23 de Novembro de 2014

ÁGUA MOLE EM PEDRA DURA TANTO BATE QUE ÀS VEZES NÃO FURA


LEIXÕES DOMINOU OS LEÕES MAS NÃO CONSEGUIU A VITÓRIA 
Segunda Liga Portuguesa 2014/2015 | Campeonato | Jornada 14 
Estádio do Mar em Matosinhos 
Árbitro: Iancu Vasilica (Vila Real). 
LEIXÕES SC 0 vs SPORTING CP (B) 0 
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Gelson (54), Mica (60 e 90+3) e Orlando (67). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Mica (90+3). 

Leixões: Chastre, Gonçalo Graça, Pedro Pinto, Zé Pedro, João Pedro, Novais (Rui Cardoso, 82), Orlando, Moedas (Cadinha, 64), Mendes (Alemão, 75), Valente e Preciado. Treinador: Horácio Gonçalves. 

Sporting B: Luís Ribeiro, Mauro Riquicho, Tobias Figueiredo, Sambinha, Mica, Fokobo, Iuri Medeiros, Wallyson, Drame (Francisco Gerardes, 75), Enoh (Salim Cissé, 80) e Gelson (Hadi Sacko, 58). Treinador: João de Deus. 

 A equipa sénior de futebol empatou na tarde de domingo, no Estádio do Mar, com o Sporting B em jogo que serviu para acertar calendário na Segunda LIGA. Sem qualquer golo, o resultado final não saiu do 0-0 com que começou a partida mas foram do conjunto leixonense as melhores oportunidades. Oportunidades para marcar não faltaram e mesmo estando praticamente todo o jogo por cima da partida com Preciado, Valente, Mendes e Hugo Guedes a terem nos pés as oportunidades do encontro. 
Nos descontos os sportinguistas viram-se reduzidos a 10 unidades por expulsão, por acumulação de cartões amarelos, de Mica. 

Os jogos voltam ao Mar apenas no próximo dia 3 de dezembro com receção ao FC Porto B sendo que antes, no próximo dia 30 de novembro, o Leixões visita a Covilhã.

SENHORA DA HORA VOLTA A PERDER E TREINADOR PEDE DEMISSÃO


Complexo Desportivo do SCS Senhora da Hora
AF Porto 1ª Divisão Série 1 2014/15 | Campeonato | Jornada 8

S C SENHORA DA HORA 1 LEVERENSE 5

Fantasma das derrotas pesa sobre o Srª da Hora, mais uma vez a equipa do Srª da Hora entra forte e consegue inaugurar o marcador, dando ilusão a um bom jogo, contudo o equipa do Leverense que soube aguardar e aproveitar os erros do seu adversário em 5 minutos acabou por marcar 2 golos e se o jogo começava a ficar complicado para o Srª Hora, ainda mais ficou com a marcação de uma grande penalidade a favor do Leverense, ( penalti muito rigoroso, um remate á queima roupa inevitável para o defesa e mesmo assim a duvida fica no ar, se a bola foi á mão ou no peito ) com o resultado em 1 x 3 chegou-se ao intervalo. 

2ª parte, diversas alterações por parte do Srª da Hora na tentativa de melhor o seu jogo, mas foi a equipa de Lever a controlar o jogo, dando o meio campo ao seu adversário e em rápidos contra ataques acabou por marcar mais 2 golos. Vitória justa mas muito exagerado no resultado final. 

Depois de mais esta derrota, e da sequência de resultados negativos o treinador Nuno Gonçalves pede a demissão que foi aceite pelo presidente Vasco de Carvalho

RESULTADOS FUTEBOL DE MATOSINHOS


Jogos futebol sénior de Matosinhos
DIA 23 DE NOVEMBRO 2014

 Segunda Liga Portuguesa 2014/2015 | Campeonato | Jornada 14
 LEIXÕES SC 0  vs SPORTING CP (B) 0

AF Porto Divisão de Elite - Pro-nacional 2014/15 | Campeonato | Jornada 12
ALIADOS LORDELO 1 vs FC PERAFITA 2
LEÇA FC 2 vs VILA MEÃ 2
VARZIM SC (B) 3 vs PADROENSE FC 1

 AF Porto 1ª Divisão Série 1 2014/15 | Campeonato | Jornada 8
OS LUSITANOS 2 vs PEDROSO 1
SENHORA DA HORA 1 vs LEVERENSE 5
ARCOZELO 4 vs D LEÇA DO BALIO 1

 AF Porto Taça Brali Grupo Honra 2014/15
Grupo 1
FC FOZ 4 vs CUSTÓIAS 1
SANDINENSE 3 vs FC INFESTA 2
Grupo 2
LAVRENSE 2vs NOGUEIRENSE 1

sábado, 22 de Novembro de 2014

PEDRO GOMES AVANÇADO RESCINDIU COM O PADROENSE

Pedro Castro Nogueira Gomes, avançado destro, de 24 anos, formado nos escalões de formação da AD Sanjoanense, conheceu clubes como: Avintes, Cinfães, Leça, Gulpilhares entre outros… 

Pedro Gomes avançado que já vestiu a camisola leceira, rescindiu amigavelmente na passada 3ª feira o contrato que o liga ao Padroense FC 

O jogador encontra-se por isso mesmo com total disponibilidade para vestir nova camisola abraçar novo projecto…contacto 910298181

BAIXA DE VULTO NO UNIVERSO PERAFITENSE

O Capitão bateu com a porta 
Paulo Jorge Rodrigues Oliveira, 35 anos natural de Matosinhos. Desde a época 2005/2006 (10 épocas) Paulinho vestiu a camisola azul e branca do FC Perafita. 

Vários treinadores, vários companheiros, vários títulos partilhados em comum com todos eles, ficam para trás, num percurso simplesmente notável. 

PAULINHO fecha ciclo de 10 anos ao serviço do clube presidido por António Santana Como o próprio faz questão de anunciar na sua página Facebook) “A minha era no Perafita vai chegar o fim quero estar em paz e continuar a fazer o que mais gosto que é jogar futebol, mais tarde agradeço as pessoas...”

quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

FUTEBOL DE SALTO ALTO


Futebol Feminino sub 19 AFPorto

 Após a 5ª jornada verifica-se que o trio da frente continuam firmes e a somar vitórias, Hernâni Gonçalves venceu por 1 bola a 0 a formação de Leça do Balio, enquanto o Boavista FC mostrou ser uma vez mais, serio candidato á conquista do título ao golear a jovem formação de Canelas por 8 a 0. 

Descolando-se da frente da classificação mas simplesmente pelo facto de folgar, está Águas Santas, que para a semana irá defrontar o Hernani Gonçalves, aquele que será o jogo da semana. 

 Em recuperação e com a moral em alto está o Srª da Hora que venceu o FC Pedroso por 2 bolas a 1 e subiu na classificação geral. 
 Dragon Force, em forma de aviso ás primeiras classificadas que está presente na corrida ao titulo, goleou o Gondim-Maia por um expressivo 16 a 0, Boavista C é derrotado em casa pelo Dragon Force B por 7 a 2 enquanto o Valadares Gaia vence o Boavista B por 3 a 0.

Manuel Sá

segunda-feira, 17 de Novembro de 2014

REMONTADA BALIENSE COM CLASSE E MUITO CORAÇÃO

Complexo Desportivo de Leça do Balio 
Jornada 7, 1º Divisão Associação de Futebol Do Porto. 
Arbitro: Armando Mendes. 

LEÇA DO BALIO 3 CANELAS 2
Ao intervalo: 0-2. Golos: Macaco (25), Fábio (30), Hugo (55 e 75), Diogo (60). Vermelhos: Isac (20) e Carlitos (88).

LEÇA DO BALIO: Miguel Mota; Carlitos, João Pinto, Miguel Cunha e Hugo Soares; Soberano, Diogo e Álvaro (João Machado, 80); Grade (Cardoso, 75), Hugo e Rafa (Ivo, 20). Treinador: Mário Heitor. 

CANELAS 2010: Paulo; Fábio, Isac, Fernando e Ferreira; Pereira, Aranha (Marcio, 65) e Cristiano; João, Macaco e Barbosa (Rola, 70). Treinador: Nuno Sousa. 

A formação Baliense recebeu e venceu o Canelas 2010 por três dois, na sétima jornada, numa reviravolta fantástica no marcador depois de estar a perder por dois zero ao intervalo. O Desportivo de Leça do Balio entrou determinado na partida, jogando um bom futebol numa partida que já se sabia que ia ser bastante difícil para o conjunto de Matosinhos devido à agressividade da equipa adversária dentro das quatro linhas, quando as equipas estavam separadas na tabela classificativa por apenas dois pontos. Nos primeiros vinte minutos a equipa de Mário Heitor criou oportunidades para marcar mas não conseguiu descobrir o caminho para o golo. Aos vinte minutos o defesa esquerdo do Canelas 2010 é bem expulso pelo arbitro da partida depois de ter pontapeado o jovem Rafa que teve mesmo que sair do jogo mal tratado. Neste lance gerou-se uma confusão dentro do campo, com jogadores do Canelas 2010 a causaram o pânico com agressões a jogadores da equipa da casa e ameaças ao arbitro com total passividade do juiz da partida. Após esta confusão a equipa de Matosinhos desconcentrou-se e o os visitantes fizeram dois golos de bola parada num espaço de cinco minutos, chegando ao intervalo em vantagem. 

No segundo tempo o técnico Mário Heitor mudou a estratégia da equipa e os jogadores Balienses foram uns autênticos heróis, com uma garra e uma determinação notável e mesmo em sofrimento perante a atitude do adversário e a passividade do arbitro conseguiram tomar conta do jogo. Colocando em prática o seu futebol de bola no pé, ataque planeado e pressão a toda a largura do terreno, aproveitando a velocidade de Grade, Hugo e Ivo no ataque foram instalando a "tremideira" na defensiva do Canelas. Aos 55 minutos na sequência de um pontapé de canto Hugo com a pontaria certeira marcou o primeiro golo da equipa Baliense. Passados cinco minutos, após mais um pontapé de canto o guarda redes visitante afasta da bola da sua área, que sobrou para Carlos Diogo que com classe bateu forte e colocado para o fundo da baliza dos visitantes fazendo o empate na partida. Depois de empatar a partida os aurinegros não tiraram o pé do acelerador em busca dos três pontos e numa jogada bonita de ataque, Álvaro com muita classe faz um passe fantástico para o avançado Hugo que isolado fez o golo da vitória. Muito mérito para este jovem avançado contratado ao Pedrouços, que tem estado em destaque na equipa liderada por Mário Heitor, que fez neste jogo o seu oitavo golo da temporada. Quando o Leça do Balio já estava em vantagem no marcador o arbitro da partida marcou um penalti escandaloso causando a revolta da equipa da casa e dos adeptos. Mas Miguel Mota fez justiça, o experiente guardião Baliense, que tem sido um pilar na equipa de Mário Heitor tal como na temporada passada, defendeu o penalti convertido pelo avançado do Canelas 2010 e tornou-se decisivo na partida, segurando os merecidos três pontos para delírio dos adeptos da casa. Até ao final da partida o Canelas ia lançado desesperadamente bolas para a área da equipa da casa, onde os centrais Hugo Soares e Miguel Cunha iam impondo a sua qualidade para resolver os lances mais complicados. 

 Chegou o final do encontro com uma vitória fantástica e merecida do Desportivo de Leça do Balio que após esta jornada está no quarto lugar da tabela classificativa com 14 pontos.

domingo, 16 de Novembro de 2014

O QUE DE BOM SE FAZ...COM ORIGEM EM MATOSINHOS

Jorge Marinho e António Gaiteiro, tem tido sucesso fora do futebol de Matosinhos JOCA e GAITEIRO, respectivamente treinadores e responsáveis máximos na orientação técnica das equipas Pedrouços AC e AR São Martinho, tem feito um percurso simplesmente notável à frente do comando das suas equipas. Tendo para isso, muito contribuindo os seus adjuntos, Pedro Silva (Pedrouços AC) e Manuel Marques e Manuel Pinhal (AR São Martinho)
   
Mister Joca, é líder ao fim de 9 jornadas na Divisão de Honra, com 19 pontos fruto de 5 vitórias e 4 empates, não conhecendo o sabor da derrota…tem 15 golos marcados e apenas 6 golos sofridos.  
Mister Gaiteiro, na Divisão d´Elite, é terceiro com os mesmos pontos (25) do segundo a apenas um do primeiro. O secore de Gaiterio é bem favorável também pois conseguiu em 11 jornadas disputadas alcançar 8 triunfos, e 1 empate, apenas por duas vezes saiu sem qualquer ponto conquistado tendo obtido 16 golos marcados e 9 sofridos.

 Em suma dois excelentes trabalhos fora de portas, nas principais divisões da AF Porto, elevando bem alto o nome dos agentes desportivos naturais de Matosinhos.

AGRESSÃO A ÁRBITRO FAZ COM QUE JOGO NÃO TERMINE


 AF Porto 1ª Divisão Série 1 2014/15 - Jornada 7 
Avintes 2 Senhora da Hora 1 
 (interrompido aos 67 minutos) 

 Srª da Hora desloca-se ao difícil terreno do Avintes para defrontar a equipa local, com a necessidade de pontuar. Uma equipa que entrou forte e a surpreender o adversário, decorrido 12 minutos de jogo e duas grandes oportunidades perdidas por Freire e Marco. Aos 42 minutos surge o primeiro balde de água fria numa desatenção defensiva o Avintes inaugura o marcador, a segunda parte era aguardada com certa expectativa. 

 A segunda parte praticamente começou com um desentendimento entre o árbitro e o fiscal de linha, cujo seguimento do lance deu origem ao 2º golo sob forte protestos da equipa da Senhora da Hora a reclamar fora de jogo. Aos 55 minutos num penalti sofrido sobre si mesmo Cesário reduz para 2 x 1. Golo que deu alma á equipa do Senhora da Hora que começou a enervar e a jogar mais no meio campo da equipa adversário, mostrando capacidade para alterar o resultado, mas eis que surge o caso do jogo ao minuto 67 numa falta a favor do Senhora da Hora surge um desentendimento entre o árbitro e o jogador "Bacalhau" resultando na expulsão do atleta, e sem que nada o previsse agride o árbitro, tendo o mesmo dado por terminado o jogo nesse instante. 

 É lamentável seja em que circunstancias for este tipo de atitude...

DOIS ANOS DEPOIS, GAITEIRO REGRESSA A PERAFITA PARA LEVAR OS TRÊS PONTOS

AF Porto Divisão de Elite - Pro-nacional 2014/15 Jornada 11 
Estádio do Futebol Clube Perafita 
Árbitro João Martins 
PERAFITA 0 SÃO MARTINHO 2 
Ao intervalo,0-0 marcadores, Ricardinho (67) Cheta (79) 

 

PERAFITA: Artur, João Pedro, Castro, Ricardo, Magalhães; Toninho, Edu Vaz (Ricardinho 68), Sérgio, Lutchindo Tinaia e Paulinho. Treinador Manuel Matias 

 

AR SÃO MARTINHO: Marafona, Rufino, Bruno, Costa, Macieira; Ratinho, Paulo Gomes (Cheta 62), Rui, Ricardinho, Carlitos (Dani 80) e Rui Luís (Cascavel 62). Treinador António Gaiteiro.


Tarde cinzenta, muito frio a prometer chuva, que não aconteceu. As equipas entram no tapete verde para disputar um encontro que por várias razões prometia ser um grande espectáculo, o que não se veio a confirmar.
   
Entra melhor na partida os visitantes que durante 15 minutos conseguiram importunar o ultimo reduto visitado mas sem conseguir os seus intentos, umas vezes por esbarrar na bem organizada defensiva perafitense outras encontrando pela frente o excelente guarda-redes Artur. Aos poucos os perafitenses sacodem a pressão visitante e de uma forma mais consistente ameaçam a baliza forasteira, Sérgio chegou mesmo a introduzir o esférico na baliza de Marafona, mas o lance foi de pronto anulado pela equipa de arbitragem. Cumprido a meia hora de jogo já o equilíbrio se fazia notar sem contudo existirem grandes lances de afiliação de parte a parte, o intervalo chegou com o resultado em branco, fruto da grande apatia existente em ambos os conjuntos. 

Segundo tempo, invertem-se os papeis, o FC Perafita entra melhor e instala-se no meio campo campense. Foi sol de pouca dura, pois iam decorridos 67 minutos, e já depois de mister Gaiteiro fazer alterações no seu onze inicial, dando mais acutilância ofensiva, os forasteiros abriram o marcador, numa transição rápida em que Carlitos pela direita conduz o ataque e assiste Ricardinho que vindo de trás atirou certeiro para fundo da baliza de Artur que nada podia fazer. Não tendo as mesmas armas, mister Manuel Matias ainda tentou responder, lançando Ricardinho no relvado, mas foram os campenses a marcar de novo, por Daniel Cheta à passagem do minuto 78. Carlitos isolado permite grande defesa de Artur, mas bola sobra para o matosinhense que encostou para o segundo golo. Vitória justa dos visitantes com uma arbitragem que em nada influenciou os desfecho final, mas perdoou o cartão vermelho a Cheta por este ter atirado a bola à cara de Ricardo quando já admoestado com o cartão amarelo.

terça-feira, 11 de Novembro de 2014

GRUPO DESPORTIVO ALDEIA NOVA TEM UMA ACADEMIA FUTEBOL FORMAÇÃO

Academia Aldeia Nova
 Aldeia Nova, a primeira imagem, associada ao nome é zona de lazer com uma bonita Praia e restauração diversa, geralmente esquecemos da sua prestigiada colectividade, o Grupo Desportivo Aldeia Nova, contudo chegou o momento da colectividade fazer algo para alterar essa imagem e colocar o futebol de formação como ícone da localidade, consequentemente já foram dados os primeiros passos, ao criar e apresentar a sua Academia de Futebol. Com o objetivo de participar em futuras provas oficiais, nada melhor do que criar bons e sólidos alicerces, passo importante que já foi dado com a renovação do seu recinto desportivo e com um bom planeamento desportivo que certamente já está assegurado, pouco resta fazer para que os seus objetivos sejam considerados um sucesso, pois em termos directivos e de monitores desportivos já estão muito bem servidos. Característica interessante é que no verão pode oferecer praia e futebol em simultâneo, embora no inverno a conversa seja outra. Aproveito para desejar votos de um enorme sucesso, e que o projecto seja forte e dignificante quanto o nome da colectividade “Grupo Desportivo Aldeia Nova” 

Manuel Sá

segunda-feira, 10 de Novembro de 2014

LEÇA DO BALIO TRAVA LIDER NA SUA PRÓPRIA CASA


Jornada 6, 1ª Divisão Associação Futebol do Porto 
Complexo Desportivo Freguesia de Gulpilhares, em Gaia. 
Arbitro: Carlos Silva.
GULPILHARES 0 D LEÇA DO BALIO 0

GULPILHARES: Faria, Fábio Duarte, Valente, Gerson e Maté; Diogo, Batata e Vitinha; Cambiaso, (Cláudio, 62), Pedro Gil e Nuno Velha (Rooney,50). Treinador: António Pereira. 

LEÇA DO BALIO: Miguel Mota; Carlitos, João Pinto, Cardigos, e Miguel Cunha; Quaresma (Soares, 45), Carlos Diogo e Soberano, Alvaro (Machado,80), Rafa (Ivo, 60) e Hugo. Treinador: Mário Heitor. 

 A formação do Leça do Balio esteve em destaque nesta jornada depois de ir a Gulpilhares acabar com a senda 100% vitoriosa da equipa gaiense no campeonato da primeira divisão da associação de futebol do Porto, série 1. Ambas as equipas proporcionam um belo espetáculo, onde ambas queriam os três pontos e naturalmente apostaram num futebol de ataque com muita entrega ao jogo. O Gulpilhares foi a imelhor equipa que a formação de Mário Heitor defrontou até ao momento esta temporada, recheada de bons jogadores com muita experiência nestes campeonatos, entrou no jogo a querer mandar e ter posse de bola, mas teve dificuldades em penetrar no ultimo terço Baliense sempre muito sólido. A melhor oportunidade dos Gaienses no primeiro tempo aconteceu aos 20 minutos com o central a Miguel Cunha a arriscar em zona proibida isolando o avançado Nuno Velha mas valeu Miguel Mota com uma grande intervenção a garantir o nulo na sua baliza. Os Balienses a partir desta altura conseguiram ter mais posse de bola e com um meio campo com muita qualidade, jogando um futebol apoiado, iam lançando Rafa e Hugo no ataque mas sem conseguiram descobrirem o caminho para a baliza do Gulpilhares. 

No arranque da segunda parte, a atitude Baliense foi mais pressionante, tendo mais posse de bola tendo por isso estando por cima do jogo, tendo mostrado uma maior frescura física, construindo jogadas de belo efeito. Com os laterais bastantes subidos a apoiar o ataque na equipa de Mário Heitor e com Rafa e Hugo em bom plano no ataque, cheirou a golo, mas ia faltando sempre o último passe ou o remate certeiro. O Central Pedro Cardigos, que tem realizado excelentes exibições, num pontapé de canto ganhou posição de remate mas não conseguiu dar o melhor seguimento ao cabeceamento numa grande oportunidade para a equipa de Matosinhos. O Gulpilhares teve a melhor oportunidade no segundo tempo pelo entrado no jogo Rooney mas mais uma vez Miguel Mota esteve em excelente plano. Nenhuma das equipas se deu como derrotada até ao final e num jogo equilibrado aceitasse o empate a zero com a equipa Baliense do técnico Mário Heitor a mostrar argumentos válidos de uma excelente equipa com muita qualidade nos diversos sectores do campo. Ao fim desta jornada o Leça do Balio está no quinto lugar da tabela classificativa com onze pontos a cinco pontos do primeiro lugar ocupado pelo Gulpilhares.

PADROENSE EMPATA EM CASA DE CANDIDATO

Divisão d´Elite Pro Nacional A F Porto 10ª jornada 
Estádio das Lavandeiras, Oliveira do Douro – Gaia 
Árbitro Gustavo Correia 
OLIVEIRA DO DOURO 0 PADROENSE FC 0 

OL. DO DOURO: Faria, David Santos, Pereira, Gui (Nicola 75), Fábio Rola, Careca (Seidi 74), Bruninho, Penantes, Carlos Pinto, Rui João (Luís Pereira 74) e Daniel Pinto. Treinador Alexandre Ribeiro. 

PADROENSE FC: Bruno Monteiro, Simão, Porto, Coutinho, Jorge, Bruno Gomes, Paulinho I, rui Carvalho (Nélson 70), Tiago Carvalho (Joel 80) Diogo Sousa e Paulinho II (Chico 40). Treinador Ricardo Silva. 

A equipa do Padroense, surpreendeu de uma forma muito conseguida em casa de um dos candidatos à subida. Num jogo muito equilibrado, com oportunidades repartidas, as equipas deram predominância ao jogo ofensivo, com jogadas bem gizadas, pena foi o desacerto na hora de rematar. 
Depois do intervalo os matosinhenses, bem organizados defensivamente, e explorando o contra ataque, quase surpreendiam a forte formação da casa, quando em cima do minuto 90 fizeram brilhar o guardião Faria com um portentosa defesa que evitou mal maior para a sua equipa.

LEÇA CEDE EM CASA FRENTE AO LIDER


Divisão d´Elite Pro Nacional A F Porto 10ª jornada 
Estádio do Leça Futebol Clube em Leça da Palmeira 
Arbitro Filipe Brito 
LEÇA FC 0 SC RIO TINTO 1 Ao intervalo, 0-1 marcador Magalhães (20) 

LEÇA: Tiago Oliveira, Hugo Fernandes, Meneses, Caldas, Marcelo, Fafiães (Pedras 65), Touré, Marcos Silva (Hugo Pinto 65) Bruno Vaz, Pablo (Miguel Nogueira 65) e Fabrice. Treinador Pedro Soares.
SC RIO TINTO: Ivo, João Pereira, Vítor Hugo, Jorge Pereira, Rodrigues, Andrezinho Lato Djalo, Bruno Costa, Magalhães (Duarte 85) Rui (Batista 75) e Paulo. Treinador Sérgio Machado 

Num jogo muito disputado no meio do terreno, foi necessário um erro defensivo para desequilibrar a contenda a favor dos visitantes, de facto um mau alívio fez com que caprichosamente Magalhães ficasse na cara do guardião Tiago Oliveira, que bem tentou fazer a mancha mas o experiente Magalhães não vacilou e facturou o único golo do encontro 
O encontro foi pautado pelo equilíbrio e sem grandes oportunidades de golo para ambos os lados, a equipa leceira esteve perto do empate no segundo tempo, quando Miguel Nogueira atirou ao poste da baliza de Ivo, na recarga Fabrice em boa posição atirou por cima gorando-se a oportunidade. A vitória acaba por ser aceite, mas o empate traduzia melhor o que se passou durante os 90 minutos de jogo. Arbitragem sem problemas.

domingo, 9 de Novembro de 2014

LEIXÕES FOI AO JOGO NA SEGUNDA PARTE


13ª jornada da Segunda Liga 
Estádio do Mar, em× Matosinhos. 
Árbitro: Jorge Tavares (AF Aveiro) 
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Preciado (3), Pedro Santos (21), Orlando (25), Fabinho (32), Jefferson (40), Mendes (73) e Alemão (90+3) 
Leixões-Feirense, 3-1. 
Ao intervalo: 0-0. Marcadores: 1-0, Pedro Santos, 49 minutos (própria baliza). 1-1, Gonçalo Abreu, 58. 2-1, Preciado, 61. 3-1, Valente, 77. 

 Leixões: Chastre, Gonçalo Graça, Pedro Pinto, Zé Pedro, João Pedro, Tiago Lenho, Orlando, Mendes (Yuanyi Li, 81), Moedas (Rui Cardoso, 66), Preciado (Alemão, 71) e Valente.Treinador: Horácio Gonçalves. 

 Feirense: Márcio Paiva, Barge, Pedro Santos, Tonel, Igor Rocha, Cris, Jefferson (Cafu, 55), Fabinho, Tiago Jogo (Hélder Rodrigues, 66), Diogo Fonseca e Gonçalo Abreu (Pedró, 81).Treinador: Pedro Miguel. 

E a história voltou a repetir-se. Do estádio do× Mar ninguém sai sem ser com a derrota. Esta tarde isso voltou a verificar-se e o crucificado foi o CD Feirense que perdeu por 3-1. Em jogo morno, os golos apenas viriam a surgir na segunda metade e o primeiro lance de registo foi dado pelos leixonenses à passagem dos vinte minutos de jogo. Apesar da campanha encetada para levar os adeptos ao Mar o povo matosinhense continua a não corresponder aos pedidos e perante uma casa despida (cerca de 800 adeptos), o Leixões venceu os da× Feira com o primeiro golo a surgir através de um auto-golo apontado por× Santos na sequência de um cruzamento de× Mendes que viria a ter nova influência no dilatar do marcador numa altura em que o Feirense já tinha empatado o encontro. Preciado também teve a oportunidade de marcar e Valente, o matador de serviço, fechou a contagem em 3-1 apontando o golo de cabeça. No próximo dia 23 de novembro o Leixões SC acerta calendário ao receber no Mar o Sporting “B” e os adeptos são chamados a comparecer em força até porque esta equipa merece todo o apoio dos adeptos leixonenses. 

Blog LEIXÕES

RESULTADOS FUTEBOL SÉNIOR DE MATOSINHOS


Jogos do dia 9 de Novembro de 2014 
Futebol sénior de Matosinhos 
Segunda liga 15 jornada 
LEIXÕES 3 vs FEIRENSE 1 
Divisão d´elite pro nacional A F Porto 10 jornada 
PAREDES 1 vs PERAFITA 0
OLIVEIRA DO DOURO 0 vs PADROENSE 0 
LEÇA 0 vs SC RIO TINTO 1 
Divisão de Honra AF Porto 
ALFENENSE 2 vs LAVRENSE 4 
BALASAR 2 vs INFESTA 1 
CUSTÓIAS 0 vs D. SANDINENSES 3 
1ª Divisão serie 1 A F Porto 6 jornada 
SENHORA DA HORA 2 vs PEROSINHO 4 
OS LUSITANOS 2 vs LEVERENSE 1 
GULPILHARES 0 vs D. LEÇA DO BALIO 0

segunda-feira, 3 de Novembro de 2014

RESULTADOS E CLASSIFICAÇÕES DOS JUVENIS DA 2º DIVISÃO A F PORTO

Juvenis - AFPorto 2ª Div 

5ª jornada da serie 3 da Associação de Futebol do Porto, no escalão de juvenis, uma serie aonde estão englobadas as equipas de Matosinhos, pelo que é fácil de observar que há derbis todos os domingos, o que faz com que esta serie tenha sempre algo de motivante e interesse . 
A liderança é actualmente repartida pelo Padroense FC “C” com 4 vitórias e pelo Sp. Cruz (+ 1 jogo). 
Sp. Cruz bateu o seu vizinho FC Infesta por 4 bolas a 3 e a mostrar boas indicações para o restante campeonato, Leça do Balio e Leça FC “B” protagonizaram um bom jogo de futebol, emotivo e com 7 golos, no fim a vitória sorriu aos Leceiros por 4 bolas a 3, ficando a equipa de Leça do Balio sem pontuar no referido campeonato. 
Custóias FC recebeu e bateu por 3 bolas sem resposta a equipa do Lusitanos FC, mesmo resultado alcançado pelo UD Lavrense que venceu o FC Perafita. 
Pequena deslocação do Padroense “C” que foi até Senhora da Hora bater a equipa local por 3 bolas a 0, confirmando ser o candidato principal a campeão do grupo. 
A folga da semana calhou ao Desp. de Portugal. 

Nas restantes series os comandantes são : Valadares Gaia - Vilanovense FC – Padroense “C” - Trofense “B” – FC Infesta “B” - Ermesinde 1936 - Gondomar “B” - Aliados Lordelo – Tirsense - S. Martinho - Lousada 
 
Manuel Sá

PERAFITA E LEÇA RESOLVEM EMPATAR

 

Jogo para a terceira jornada do grupo da Divisão d´Elite serie 2 da Taça Brali A F Porto 
Estádio do Futebol Clube de Perafita em Perafita – Matosinhos 
Árbitro Nélson Pascoal
FC PERAFITA 1 LEÇA FC 1 Ao intervalo, 1-1, marcadores, Toninho (27 gp) e Caldas (41 gp) FC 

PERAFITA: Vítor, Bruninho, Armando, Ricardo, Henrique; Toninho, Paulinho (Eduardo 83), Sérgio; Tinaia (Gonçalo 83), Coentrão e Lutchindo (Ricardinho 72). Treinador Manuel Matias

LEÇA FC: Tiago Oliveira, Fernandes, Noura, Meneses, Caldas (Wendel 79), Pinto (Marcos 62) Pedras (Fabrice 62) Marcelo, J.Marcos (Pablo 46) Fafiães e Miguel (Mário 79). Treinador Pedro Soares 

 Dérbi de Matosinhos disputado com muito equilíbrio, só poderia terminar com uma igualdade. 
De facto o resultado final espelha bem o que se passou durante os noventa minutos. 
 Num jogo presenciado por muito publico, os visitantes levaram mais gente ao estádio, o empate foi suficiente para apurar os leceiros para a ronda seguinte. Com parada e resposta o jogo foi-se desenrolando com oportunidades de golo em ambas as balizas, marcou o primeiro os visitados através de uma grande penalidade convertida por Toninho, à passagem da meia hora de jogo, perto do fim do primeiro tempo foi a vez de Caldas de igual modo bater Vítor guardião perafitense. No segundo tempo a toada de jogo manteve-se e a emoção imperou até ao final do jogo. A arbitragem dirigida por Nélson Pascoal esteve à altura das exigências

.

HUMBERTO EX FC PEDRAS RUBRAS É JOGADOR DO PADROENSE.

Humberto Ricardo Novo Pereira da Silva, guarda redes que completou muito recentemente 33 anos, desvincula-se do FC Pedras Rubras (CNS) e ruma ao Padroense FC (Divisão D´Elite AF Porto). 
Humberto (irmão do ex jogador leixonense, José António), passou também pela formação leixonense, representou como sénior, entre outros o FC Perafita, defendeu o emblema do FC Pedras Rubras durante 5 épocas, sendo inclusive pedra fundamental na época anterior, que terminou com a ascensão do clube maiato ao Campeonato Nacional de Seniores, recorde-se também que Humberto representou também a selecção de Matosinhos por várias ocasiões. 

 O motivo súbito desta mudança de clube, prende-se, julgamos nós, com motivos profissionais Mitchfoot sabe de fonte muito próxima do jogador que o mesmo estará hoje às ordens de Ricardo Silva (técnico do Padroense), no apronto agendado previamente.

domingo, 2 de Novembro de 2014

GOLO IRREGULAR DERROTA O LEIXÕES

13 JORNADA DA SEGUNDA LIGA
Estádio Carlos Osório. 
Árbitro: Pedro Proença (Lisboa). 
Ação disciplinar: cartão amarelo para Bru (10 e 53), João Novais (10), Tiago Lenha (31), Rui Cardoso (34), Zé Pedro Freitas (56), Zé Pedro (71), Carlitos (77) e João Pinho (88). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Bru (53) e direto para Cadinha (90+2). 

OLIVEIRENSE 1 LEIXÕES 0 Ao intervalo: 1-0. Marcador: 1-0, Renan, aos 40 minutos. 

 Oliveirense: João Pinho, Carela, Ângelo, Sérgio, Bruno Simão, Bru, Renan, Zé Pedro Freitas, Mário Mendonça (Luís, 68), Pedro Moreira (Iero, 81) e Carlitos (Rafa, 90).Treinador: Artur Marques. 

 Leixões: Chastre, Gonçalo Graça, Pedro Pinto, João Pedro, Zé Pedro, João Novais (Alemão, 46), Rui Cardoso (Cadinha, 46), Tiago Lenho, Mendes (Pedras, 69), Ricardo Valente e Preciado. Treinador: Horácio Gonçalves. 

 O Leixões somou esta tarde, em Oliveira de Azeméis, mais uma derrota nesta Segunda LIGA (1-0) apesar de ainda termos colocado a bola na baliza adversária. No estádio Osório, com cerca de uma centena de adeptos leixonenses a apoiarem a equipa, o Leixões entrou melhor mas rapidamente a Oliveirense viria a equilibrar a partida em seu favor. Com o jogo dividido e já perto do intervalo os da casa viriam a adiantar-se no marcador com Renan a apontar, aos 41’, aquele que viria a ser o único golo da partida. 
 Já na segunda metade, e com o Leixões a jogar em vantagem numérica (Bru viu o segundo amarelo aos 55’), o conjunto vindo de Matosinhos teve uma soberana oportunidade que poderia ter dado o empate. Gonçalo Graça, primeiro, e, na recarga, Cadinha tiveram nos pés a oportunidade de voltar a relançar o encontro quando estavam passados 70 minutos. Aos 76’, o Leixões até introduz a bola na baliza dos de Oliveira de Azeméis mas no entender do árbitro da partida, Pedro Proença, Pedras utilizou a mão para empatar a partida após um cruzamento de João Pedro. Golo invalidado. Já em tempo de compensação, Cadinha viu o cartão vermelho direto. 

No próximo domingo voltamos a jogar em casa onde temos sido soberanos e vamos receber o CD Feirense a partir das 15h00 em jogo da 15.ª Jornada uma vez que o encontro diante do Sporting B, da 14.ª Jornada, foi adiado. 

 
Conferência de imprensa 
 “Foi uma primeira parte mais equilibrada. Estivemos mais fortes na segunda parte mas acabámos por jogar mais com o coração do que com inteligência. Tentámos e fizemos tudo para vencer. Os resultados não são os melhores mas vamos continuar a perseguir o grupo da frente. Foi um jogo menos conseguido para nós.” Horácio Gonçalves, treinador do Leixões SC 

Blog LEIXÕES

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC

PUBLICIDADE DE MATOSINHOS

PUBLICIDADE DE MATOSINHOS