RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

NA 2ª DIVISÃO AF PORTO (Principes de Matosinhos estáo no segundo lugar)

AF PORTO 2º DIVISÃO SERIE 1 JORNADA 6


Campo dos Estrelas de Fanzeres – Gondomar
Árbitro, Tony Calvo
E. FANZERES 0 ALDEIA NOVA 2
Ao intervalo, 0-2, Paulo (6`) e Carlos Letra (35`)

GD ALDEIA NOVA: Tiago Monteiro, gouveia (cap), Noronha, Filipe (Postiga), Mazola, Ricardo Rocha, Manu, Carlos Letra, Pinto, Rochinha e Paulo (Riuzinho). Treinador Flávio Silva.

Os PRINCIPES DE MATOSINHOS estão em grande neste campeonato, uma a um, lá vão contornado as dificuldades e conseguindo vencer os seus encontros. Com uma entrada muito forte  o Aldeia Nova ainda antes do intervalo resolveu este encontro a seu favor, posicionando-se agora em segundo lugar na tabela classificativa a apenas um ponto da liderança. ________________________________________________________

Estádio do Canelas-Gaia
Árbitro, Pedro Barbosa

CANELAS-GAIA 3 OS LUSITANOS 3
Ao intervalo, 3-1, Macaco (7`e 17`), Aranha (41`) Meneses (43`) Ricardo Silva (67`) e Sandro (82`)

OS LUSITANOS: Rui Sérgio, Sérgio Coelho (Kiko) Rui Carneiro, Edu e Xuxa; Rui Dias, Meneses (Fábio), Carlos Miguel (Sandro), Ricardo Silva, Ricardinho e Paulo. Treinador Albino Guerra.

A equipa de Santa Cruz do Bispo, recupera pela segunda vez neste campeonato de um resultado bastante negativo, a perder por 3-0 os lusitanos chegaram à igualdade, e estiveram muito perto da remontada.

PROVAS DA AF PORTO (1ª DIVISÃO EQUIPAS DE MATOSINHOS)



A F PORTO 1ª DIVISÃO SERIE 1 JORNADA 7

Estádio do SCS Hora
Árbitro, Carlos Silva
SCS HORA 1 FC PEDROSO 1
Ao intervalo, 0-1, Bruno Silva (15`pb) e Jordan (63`gp)
 
SCS HORA: Tiago Oliveira, Fábio, Tiago Costa, Bruno Silva e Bruno Pereira; Jordan, Marcos e Rafael (Kennedy), Joel (Jeremias), João Pinto (Serrão) e Alex. Treinador Jorge Marinho (Joca)
 
Esta equipa senhorense anda arredada das vitórias, muito por culpa da falta de eficácia na hora de atirar ao golo. O SCS Hora pratica um futebol muito vistoso, de pé para pé consistente e muito organizado, traído em alguns momentos pela juventude dos seus executantes. Bruno Silva marcou na sua própria baliza, mas Jordan de penalti repôs a igualdade e nem em vantagem numérica os senhorenses chegaram ao golo da vitória, que seria justa pelo futebol apresentado. ___________________________________________
 
Complexo Desportivo de Lavra
Árbitro, Nuno Soares
LAVRENSE 1 GULPILHARES 2
Ao intervalo, 1-1, Ricardo Silva (23) couto (38`) e Luís (47)
 
LAVRENSE: Telmo, Dani (Wilson / Jota), Filipe Sousa, Leandro Isac e Amaral (Miguel) Grilo (Ricardo), Couto, Diego, Gonçalo, Tiago Carvalho e Rui Seabra (Stephen) Treinador Eduardo Paixão.
 
A equipa Lavrense apesar de se bater muito bem com o líder invicto da Prova, não foi capaz de obter um resultado positivo, muito por culpa do pragmatismo forasteiro que de uma forma eficaz levaram os três pontos em disputa.
_______________________________________________
Complexo Desportivo de Leça do Balio
Árbitro, Paulo Pinto
LEÇA DO BALIO 0 CRESTUMA 1
Ao intervalo, 0-1, Pedro Gomes (10`)
 
DL BALIO: Dinis, Marco Pereira(Tiago), Virgílio, Rui Stam (João Rodrigues) e Grilo; Pedro, Carlitos e Vítor Barros (Simeão); Vítor Carneiro (Cris), Ismael e Bessa. Treinador Manuel Paulo (Paulão).
 
A equipa do Leça do Balio, está a perder gás em ralação ao início da competição, com um golo sofrido logo aos dez minutos de jogo pelo ex leceiro Pedro Gomes, os Balienses revelaram muita dificuldade para chegar ao golo, tendo criado várias situações de concretização, é certo mas foram ineficazes.
_______________________________________________
Complexo Desportivo de Campanhã- Porto
Árbitro, José Cabral
SP. CRUZ 4 CUSTÓIAS 3
Ao intervalo, 2-3, Narciso (14`gp e 54`) Fabinho (20` e 56) Nuno Santa Cruz ( 24`e 40`) e Heldinho (45`)
 
CUSTÓIAS: Luís, Cláudio, Bruno Couto, Bruno Carvalho (Pedro Silva), Flávio; Medeiros, Estrela (João Luis), Nuno Santa Cruz, Heldinho (Pedro Nuno), Dani e Vasquinho (Ivo). Treinador Pedro Fonseca.
 
Jogo de emoções fortes muito por culpa das constantes mudanças de liderança no resultado. Aos 20`minutos de jogo já os da casa venciam por 2-0, mas ainda antes do intervalo o Custóias concretiza a remontada, com um bis de NUNO SANTA CRUZ (segundo bis consecutivo no campeonato). A vencer por 2-3, os custóienses permitem nova viragem no resultado em dois minutos (54 e 56`) e ficam a jogar com menos um por expulsão de Cláudio. Até ao fim o resultado (4-3) não se alterou. A equipa do Custóias continua sem vencer neste campeonato.

ENTRADA EM FALSO DE MISTER FRANCO


III DIVISÃO SERIE B JORNADA 6
Campo das Oliveiras- Serzedelo- Guimarães
Árbitro, Hugo Alves (Leiria)
SERZEDELO 2 LEÇA 1
Ao intervalo, 1-0, Gilberto (25 e 90+3) Domingos (90+5 gp)

SERZEDELO: João Sampaio, Carlos Filipe, Carlos Martins, Hugo Santos, Sérgio Vieira, Juni, Abdu (Fábio Leite), Moia, Gilberto, Fausto (Tiago Lobo), Ricardinho (Vieira). Treinador Marco Alves.

LEÇA FC: Castro, Ruca (Hugo Almeida), Zé Soares (Renato), Serginho e Coutinho; João Santos, César, Domingos, Pedro Lourenço (Pisco), Bruno João; Cerejo. Treinador Pedro Franco.

Numa partida em que o equilibriu foi a nota dominante. Venceu a equipa que foi mas insistente no ataque, Gilberto foi o desequilibrador do encontro (bisou na partida), num jogo que terminou com três expulsões, duas para os homens da casa e uma para os leceiros (João Santos).

PADROENSE SAI GOLEADO DE FAMALICÃO


Segunda Divisão Zona Norte Jornada 6
Estádio Municipal 22 de Julho – Famalicão
Árbitro, Paulo Rodrigues (Braga)
FAMALICÃO 5 PADROENSE 0
Ao intervalo, 2-0, Chico (17`e 80`) Ricardo Martins (25`) André Carvalho (46`) e Bertinho (90+3`)
 
FAMALICÃO: Paiva, Rufino, André Ká, Ângelo, Paulo Monteiro, Ricardo Martins (Fina), Pastel, Rui Borges, Chico (Bertinho), André Carvalho, Pollo (Bruno Teixeira). Treinador, Pedro Monteiro.
 
PADROENSE: Marco, Pedro Areias, Armando, Vitor Lobo e Miguel; Chico, Nuno Paulo (Areias), Mário Jorge (Davi), Fábu, João Amaral (Gazela), Manuel. Treinador Augusto Mata.
 
Quem vence de goleada (5-0) por certo a justeza da vitória nunca será posta em dúvida, a equipa do Famalicão foi sempre superior e mereceu amplamente a vitória neste encontro, no entanto por números bastante exagerados. A jovem equipa do Padroense, encarou sempre o adversário olhos nos olhos, com uma postura digna e não merecia tão pesado desfecho. A perder 2-0 no início do segundo tempo, o momento do jogo veio logo a seguir (46`) quando André Carvalho faz o terceiro e sentencia o jogo no que ao vencedor diz respeito. A tarde foi de facto dos famalicenses, que aproveitaram a 100% as oportunidades criadas, e apesar de reduzidos a dez elementos por expulsão de Rufino aos 67`minutos, controlaram o desafio e marcaram por mais duas vezes.

INFESTA SEM CONQUISTAR PONTOS FORA DE PORTAS


Segunda divisão Zona Norte, Jornada 6
Estádio do Varzim- Póvoa de Varzim
Árbitro, Augusto Costa (Aveiro)
VARZIM 2 INFESTA 0
Ao intervalo, 2-0, Capixaba (2`) e Zé Diogo (29`)
 
VARZIM: Miguel, Tiago Lopes, Hugo Basto, Nélson e Telmo; Nelsinho, Nani (Rui Figueiredo) André Pires, Zé Diogo (Hugo Lopes), Capixaba, Tó Barbosa (Vasco). Treinador Octávio Moreira. FC
 
INFESTA: Isac, Jorginho, Correia, Jonas e Pedro Pereira; João Reis (Dani), Vitinha I, André Maia (Pedro Nuno), Digas, Vitinha II (Bruninho) e Ely. Treinador José M. Ribeiro.
 
Infesta entrou praticamente a perder.
 
O Infesta voltou a perder para o campeonato e soma já a quarta derrota consecutiva. A turma de José Manuel Ribeiro, praticamente entrou a perder, pois ainda não tinham decorrido dois minutos de jogo e o Infesta já estava em desvantagem no marcador. Numa rápida jogada da equipa varzinista, Zé Diogo cruza rasteiro da esquerda para a zona da pequena área e Capixaba ao primeiro poste, inaugurou o marcador a favor da equipa da casa. O Infesta respondeu com atitude mas criou muito pouco perigo. Aos 22 minutos, passe em profundidade para Capixaba que pela esquerda, remata cruzado ao lado da baliza de Isac. O Infesta apenas criou a primeira situação de perigo aos 27 minutos, quando Ely pela esquerda, entra na área, procura um companheiro a quem passar a bola, mas perde tempo e só depois e já com a defensiva do Varzim posicionada, é que deixou em Vitinha II que à entrada da área, atira fraco e à figura de Miguel. À passagem da meia hora de jogo, o Varzim faz o segundo golo. Zé Diogo aproveita um ressalto à entrada da área e com o pé direito atira sem hipóteses de defesa para Isac.
 
 
Na segunda parte, o Infesta entrou com outra atitude e aos 48 minutos, Ely teve nos pés a possibilidade de reduzir mas o remate saiu ao lado. Pouco depois, Vitinha I num livre em zona frontal, atira forte, mas à figura do guardião Miguel. Aos 63 minutos, Tó Barbosa teve tudo para aumentar a vantagem quando frente a Isac, demorou a decidir e permitiu a intervenção de Correia que cortou o lance. Aos 78 minutos, jogada rápida de contra-ataque do Varzim por Vasco, que cruza rasteiro da esquerda mas Zé Diogo permite que Tiago Jonas corte o lance. O Infesta ainda teve outra oportunidade para reduzir por Ely que aos 85 minutos e a passe de Pedro Nuno, coloca a bola a jeito e remata com perigo mas Hugo Basto deu o corpo ao manifesto e até saiu lesionado do lance. O árbitro da partida, Augusto Costa de Aveiro, teve uma actuação aceitável, quase nem se dando por ele em campo. Vitória do Varzim que se cola aos primeiros lugares da tabela. Quanto ao Infesta, com a conjugação dos resultados de hoje, desce à linha de despromoção, mantendo-se com os três pontos conquistados na 2ª jornada frente ao Ribeirão. Na próxima jornada, o Infesta recebe o Amarante.
 
Fonte, Sitio oficial do Infesta, fotos blog Lobos do Mar

LEIXÕES VOLTA A PERDER PONTOS COM ARBITRAGEM MUITO CONTESTADA


SEGUNDA PARTE LEIXONENSE MERECIA DE LONGE OUTRO RESULTADO


SEGUNDA LIGA jornada 11
Estádio do Mar- Matosinhos Árbitro: Manuel Mota (Braga)
LEIXÕES 1 OS BELENENSES 1
Ao intervalo: 0-1: 0-1, Fernando Ferreira, 19 minutos (grande penalidade) 1-1, Tiago Borges, 88 (grande penalidade)
 
LEIXÕES: Rui Sacramento, Fábio Santos (Kizito, 46), Nuno Silva, Zé Pedro, Sequeira, Patrão (Calé, 64), Gonçalo Graça (Malafaia, 79), Moedas, Luís Silva, Tiago Borges e Mailo.Treinador: Horácio Gonçalves.
 
BELENENSES: Matt Jones, André Teixeira, João Meira, Kay, Nelson, Fernando Ferreira, Diakité, Tiago Silva (João Afonso, 79), Fredy, Arsénio (Paulo Roberto, 60) e Diawarra (Tiago Caeiro, 88). Treinador: Mitchell Van der Gaag.
 
Numa primeira parte, muito fraquinha, sem grandes motivos de interesse, o trabalho dos guarda-redes foi particamente nulo, devido a escassez de lances de perigo, o Leixões, em jogo mais direto não foi capaz de incomodar o sector defensivo dos lisboetas, pelo lado dos de Belém, coma mais posse e circulação de bola, só foram capazes de bater Rui Sacramento através de uma grande penalidade muito contestada. Ao intervalo 0-1
 
Na segunda parte, o Leixões reapareceu com o veloz Kizito do lugar do defesa Fábio Junior e, com muito coração e igual determinação, partiu então à procura do empate que só iria chegar através de uma grande penalidade, também contestado pelo Belenenses, aos 88 minutos. Antes, já o Leixões tinha beneficiado de uma grande ocasião para marcar, mas Calé fez o mais difícil atirando de cabeça para as mãos de Matt Jones, quando estava a pouco metros da baliza belenense. O Belenenses caiu muito na segunda parte, enquanto o Leixões deu tudo para chegar à igualdade. Tiago Borges enviou uma bola à barra (83), Kizito obrigou Matt Jones a realizar uma grande defesa (84) e, por fim, Mailo conquistou o penálti que valeu o empate (88). As duas equipas terminaram reduzidas a dez unidades: Nélson foi expulso nos visitantes (71 minutos), José Pedro nos anfitriões logo depois (74 minutos).
 
JÁ EM PERIODO DE DESCONTOS GOLO ANULADO AO LEIXÕES...ANALISE VOÇÊ!
 
Os leixonenses, adeptos e jogadores, contestaram muito o trabalho do árbitro bracarense Manuel Mota, queixando-se, principalmente, de um golo invalidado, por alegado fora de jogo de Mailo, já nos descontos, que teria dados os três pontos à equipa treinada por Horácio Gonçalves.

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC