RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

terça-feira, 14 de abril de 2015

SORTE SORRIU AOS LUSITANOS REGRESSANDO ÀS VITÓRIAS EM TERRENO DE CANDIDATO


AF Porto 1ª Divisão Série 1 2014/15 - Jornada 26
Estádio Municipal de Pedras Rubras – Maia
Árbitro Fernando Ferreira
Cartão vermelho a Guido Simões (90)
CASTELO DA MAIA 0 OS LUSITANOS 1
Ao intervalo, 0-0, marcador David (90 gp)

CASTELO: Alex, Guido, Manu, Guido Simões, Bruno Cruz ( Silva 19) Mazola (Machado 82), Quinando, Renato, Oliveira (Pedro Oliveira 66) Luis André (Paulo Carneiro 66), Thomas (Filipe 82). Treinador Luciano Simões.

OS LUSITANOS: Zé Filipe, Sérgio Teixeira, Gouveia, Hugo Tarrelo, Ricardo Silva (Letra 73) Pipo Mesquita, Carlos Miguel (Hugo Teixeira 73) Ricardinho (Zé Bina 66), Paulo, Filipe Teixeira, David. Treinador Paulo Silva.

Os Alvi/negros de Sta Cruz do Bispo, encaram olhos nos olhos um candidato à subida, certo é que os primeiros dez minutos foram de domínio absoluto dos homens da casa (emprestada). Passado o primeiro quarto de hora, já os lusitanos equilibravam a contenda, pondo em prática um futebol vistoso que é apanágio da equipa da Matosinhos, no entanto o sinal mais pertenceu sempre aos da casa que a jogar a favor do vento insistiam no ataque, embora sem resultados práticos. O Intervalo chegou com o nulo verificado. 

No segundo tempo, os Lusitanos entram mais agressivos e pressionantes no portador da bola, não deixando que o Castelo se organiza-se de forma que incomoda-se o guarda reses Zé Filipe, contando também com a ajuda do vento, aos poucos iam empurrando a equipa maiata para o seu meio campo. Neste período a turma da casa tem duas boas ocasiões para marcar golo, uma delas através de livre direto que Zé Filipe (regressado à baliza apos 2 meses de afastamento) respondeu com defesa do outro mundo e outra através de cruzamento atrasado em que o jogador do Castelo atira por cima. Os Lusitanos respondiam com David e Paulo a gorarem as oportunidades. Em cima do minuto 90, penalti bem assinalado (mão na bola em cima da linha) David chamado a converter, não falha ao enviar a bola para o meio da baliza. Os últimos 4 min (tempo de descontos) o castelo jogou futebol, direto bombeando bolas para a área na tentativa desesperada de chegar ao golo do empate. Bom jogo de futebol em que as condições climatéricas não ajudou (forte vento que se fez sentir), com um resultado positivo para os matosinhenses mas que bem poderia cair para o outro lado.

LEÇA DO BALIO EMPATA PARA ATINGIR O 2º LUGAR ISOLADO


1ª Divisão Distrital Associação de Futebol Do Porto, jornada 26 . 
Complexo Desportivo de Leça Do Balio, em Matosinhos. 
Arbitro:Rui Fangueiro . 
LEÇA DO BALIO 2 S.FÉLIX 2
Ao intervalo: 0-0. Marcadores: Vinagre (55), João Cardoso (85), Miguel Reis (88) e Rafa(90+4, gp).

LEÇA DO BALIO: Miguel Mota; Carlitos (Nandinho, 60), Miguel Cunha, Hélder e João Pinto; Carlos Diogo, Quaresma e Edu (Rafa, 60); Hugo, Ivo (João Cardoso, 73) e Pedro Gomes. Treinador: Mário Heitor. 

S FÉLIX DA MARINHA: Isac; Miguel Reis; Dani, Cardoso e Zé Nuno, Serafim, Ricardo Reis (César, 78) e Diogo Morgado (Álvaro, 68); Becas (Boia, 46), Serginho e Vinagre (João Teixeira, 68). Treinador: Jorge Duarte.

 O Desportivo Leça do Balio empatou no seu estádio, na jornada 26, da 1º Divisão da Associação de Futebol do Porto com a equipa gaiense do S. Félix da Marinha, a duas bolas, num jogo em que teve tudo para vencer de goleada. Os Balienses dominaram a partida totalmente, apresentaram grande caudal ofensivo, associado a um bom futebol, mas faltou a finalização. Primeiro tempo com o Leça do Balio a desenvolver um bom futebol, boas jogadas, muitas oportunidades de golo, bola na barra, grandes defesas do guarda redes do S. Félix, muita emoção, mas sem a bola entrar na baliza da equipa Gaiense. Empate ao intervalo a castigar a ineficácia Baliense. 

 O S. Félix da Marinha, que raramente se aproximou com perigo da baliza de Miguel Mota, mas soube ser eficaz aos 55 minutos num deslize defensivo da equipa casa, onde o avançado gaiense Vinagre isolado fez o primeiro golo visitante, num autêntico balde de água fria para os adeptos aurinegros. Após este grande contratempo, o Leça do Balio não foi abaixo, o que mostra os seus muitos argumentos como equipa e continuou a carregar no acelerador e a continuar a criar sucessivas oportunidades de golo. Com tanta persistência na busca do golo, aos 85 minutos João Cardoso empatou a partida. Passados dois minutos em mais um erro da defensiva Baliense, o S. Félix da Marinha com muito oportunismo faz o seu segundo golo por Miguel Reis que não deu hipótese de defesa a Miguel Mota. Inconformados com o resultado, os guerreiros Balienses tudo fizeram para empatar a partida e conseguiram aos 94 minutos na marcação de uma grande penalidade por Rafa, entrado no segundo tempo. 

 Fim da partida com o resultado injusto para a formação de Matosinhos que jogou um bom futebol, criando oportunidades de golo suficientes para marcar mais golos e a cometer dois erros defensivos preponderantes, perante um S. Félix muito trabalhador e muito eficaz com alguma sorte na obtenção de um ponto no estádio Baliense. 

Mesmo com este empate o conjunto de Mário Heitor alcançou o segundo lugar da tabela classificativa, com 45 pontos, beneficiando da derrota do Canelas no seu estádio.


AZAR BATE À PORTA DE MIGUEL GRADE


LESÃO DITA FIM DE ÉPOCA PARA MIGUEL GRADE

O jovem avançado Miguel Grade, avançado do Desportivo Leça do Balio, lesionou-se gravemente à dois meses atrás no joelho direito, e foi hoje operado ao ligamento cruzado e ao menisco, ficando afastado da equipa Baliense até ao final da temporada. Grade, 21 anos de idade, jogador muito rápido, bem dotado tecnicamente, era uma das opções mais frequentes do técnico Mário Heitor, destacando-se como uma mais valia no ataque do Desportivo Leça do Balio. 
Mitchfoot deseja uma rápida recuperação a Miguel Grade.

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC