RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

PEDRO CORREIA FAZ A ANTEVISÃO DO JOGO DA TAÇA


 Imagem forte é para manter Declarações de Pedro Correia, treinador do Leixões Sport Club, ao www.leixoessc.pt na antevisão do jogo com o FC Felgueiras 1932: 

 LSC – Tinha pedido maior empenho dos jogadores e mais garra para o jogo com o Guimarães. Ficou satisfeito com a resposta dada? 

Pedro Correia – O jogo com o Guimarães foi bom e, acima de tudo, provou que temos de ter uma atitude forte e constante para conseguir bons resultados. É esta atitude que temos de manter sempre ao longo da época, este é o Leixões forte que queremos.

 LSC – Agora vem aí o Felgueiras, para a Taça de Portugal. O que espera deste jogo?

 PC – O jogo com o Felgueiras vai ser um teste muito exigente para a nossa concentração e para a nossa evolução enquanto equipa. O Felgueiras é uma equipa muito boa do Campeonato Nacional de Seniores. Está em primeiro lugar numa das séries mais competitivas da prova, uma série em que há várias equipas candidatas à subida, incluindo o próprio Felgueiras. Tem um plantel com muita qualidade colectiva e individual, com vários jogadores com experiência de 1.ª e 2.ª Liga. 

 LSC – Não será então um jogo fácil para o Leixões? 

PC – Nenhum jogo é fácil. Os favoritismos provam-se em campo. É um jogo de Taça, a eliminar, e o Felgueiras vai querer ganhar. Sabemos como eles jogam e é por isso que digo que vai ser um jogo muito difícil. Temos de continuar a ser um Leixões à Leixões e temos de encarar o jogo com muita seriedade para podermos continuar em prova. Queremos manter uma imagem forte, porque o nosso orgulho ainda está ferido. Não é uma boa exibição que basta. Temos de ser consistentes e dar sequência ao trabalho do último domingo. 

 LSC – No último domingo, os adeptos Leixonenses estiveram ao nível da equipa, com uma actuação impecável. Também espera que isso se mantenha? 

PC – Contamos sempre com o apoio dos nossos adeptos e sei que eles vão manter o forte apoio à equipa. Com o Guimarães, o apoio deles foi muito importante e teve momentos de grande beleza. Houve grande cumplicidade dentro e fora do relvado, o que é de realçar. Tal como a equipa, os adeptos do Leixões também tiveram uma grande atitude à Leixões.

GUIDO SIMÕES (médio defensivo) REGRESSA AO INFESTA

Simões terminou a sua formação no Infesta. 

Está de regresso ao Infesta, o jovem de 21 anos, natural da África do Sul, Guido Simões, que depois da sua formação, representou o Bougadense e o Castêlo da Maia, tendo iniciado esta temporada, no clube maiato. O atleta fez parte da fantástica equipa de juniores que em 2010/11, venceu o Campeonato Distrital da AF Porto. 

Joga naturalmente a médio defensivo, mas devido à sua elevada estatura, actua também como defesa central. O jogador já foi inscrito e pode ser já utilizado no jogo do próximo sábado com o Varzim.

FC INFESTA

RUI MENESES CAPITÃO AURINEGRO, SOBRE O DERBI (vamos encarar este jogo com atitude)

MITCHFOOT - Domingo há derbi (LUSITANOS vs CUSTÓIAS) de Matosinhos, o que esperas deste jogo? 

RUI MENESES - Espero mais um jogo complicado, como serão todos esta época, no entanto estamos a trabalhar bem e sentimos que podemos vencer a qualquer equipa e este não foge à regra 

M -Jogar fora de portas (Candal) é de alguma forma mo mínimo constrangedor, para se disputar um derbi, não achas? 

RM - Temos pena que assim tenha que ser, gostávamos muito de fazer este jogo na nossa casa, por vários motivos, porque é um derbi, que não se efectua há muitos anos e por certo, seria de casa cheia, pois são clubes vizinho, mas acima de tudo, porque jogar em nossa casa com a nossa massa adepta é sempre especial. Pena também, de nos ter de deslocar a Gaia, quando existem campos mais acessíveis ao nível do transporte do que o do Candal. 

M - Sentes a que a equipa está preparada para repetir o feito da jornada anterior?

 RM - Como disse anteriormente, todos os jogos serão difíceis, pelo facto de que subimos este ano e com tal temos pela frente dificuldades a que não estava-mos habituados, com tudo temos um grupo de trabalho muito forte e unido que olha todos os adversários da mesma forma e com o pensamento na vitória. À semelhança do jogo anterior vamos encarar este jogo com atitude, sendo qual for o resultado final, vamos caminhando com os pés bem assentes no chão. 

M - Quais os objectivos da tua equipa para esta época? 

RM - Embora mantendo o plantel base da época passada, este ano conseguimos bons reforços, no entanto o objectivo é a manutenção, depois de conseguido este objectivo e se estivermos bem posicionados na tabela, poderemos a aspirar a algo mais. 

M - O que representa para ti, seres capitão da equipa, responsabilidade acrescida presumo? 

RM -  É uma honra que ostento a braçadeira de capitão dos Lusitanos, mas Hugo Terrelo e Carveli, sub capitães, também a merecem, a responsabilidade é a mesma que sempre tive ao longo destes anos. Cada companheiro é um amigo e todos eles são capitães, eu só a uso aos domingos. 

M - Queres deixar algumas palavras aos adeptos dos Lusitanos? 

RM - Quero dizer-lhes, que são os melhores, são fantásticos, puxam por nós como poucos, estão sempre presentes a em qualquer campo que jogamos, o que para nós é muito importante e nos enche de orgulho. Espero que consigamos ainda mais para que todos juntos formem a claque, que vibra e chora pelo Os Lusitanos

NUNO GONÇALVES TREINADOR DO SCSH (Para além de surpreendido tenho razões para estar desolado)

Mitchfoot, foi ao encontro do treinador do SCS Hora, Nuno Gonçalves, para conversar a propósito da saída inesperada do jogador Rui Stam. Depois de alguma insistência da nossa parte, o mister cedeu em conversar sobre o assunto. 

MITCHFOOT - Mister o que é que se passou, visto que o Stam já não faz parte do plantel senhorense? 

 NUNO GONÇALVES. “Aceito falar sobre este assunto, e pela primeira e última vez o vou fazer, pela simples razão de que, este triste episódio me apanhou de surpresa. 
Antes de mais quero que fique bem claro de que, em primeiro lugar, como homem que me preso ser, jamais ponha em causa a honestidade e dignidade seja de quem for…e não admito que insinuem o meu nome enquanto treinador, na praça pública, tanto mais que o jogador em questão, no lugar próprio, não teve a coragem de o dizer frente a frente. 

Não quero alimentar mais polémica, quero trabalhar com tranquilidade, mas é obvio que tudo isto me deixou surpreendido, tanto mais partindo de quem foi, se não vejamos, o que o próprio no dia 24 Setembro comentou uma entrevista minha, dada a este prestigiado blog, e passo a citar (“Com pouco mais de um mês de trabalho, e nunca antes tinha sido treinado pelo mister Nuno Gonçalves, tenho de dizer que estou muito grato por trabalhar com ele...qualidades humanas acima da média, grande homem, com ideias bem definidas daquilo que quer dos jogadores....é um prazer e um grande orgulho trabalhar com esta equipa técnica de futuro bem promissor.”). Como é que uma pessoa, muda de opinião em pouquíssimo tempo? Para além de surpreendido tenho razões para estar desolado. 

Agradeço a oportunidade que mais uma vez o Mitch me deu. 
Saudações Desportivas 
Nuno Gonçalves

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC