RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 22 de novembro de 2015

LEIXÕES DESLIGOU O CHIP E ZÉ PEDRO...

 
16.ª jornada da Segunda Liga 
 Estádio do Mar, em Matosinhos. 
Árbitro: Artur Soares Dias (Porto). 
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Tandjigora (18), Malafaia (42), Diarra (64) e Pedras (90+5). 
LEIXÕES 2 COVILHÃ 2 
Ao intervalo: 0-0. Marcadores: Ricardo Barros, (60 e80) Zé Pedro, (91+1 e 90+3) 

 LEIXÕES: Ricardo Moura, Gonçalo Graça (Alemão, 16, Pedras, 75), Pedro Pinto, Diogo Nunes, Max, Tandjigora, Malafaia, Bruno Lamas, Yuanyi Li, Ricardo Barros e Guo Yi (Jorginho, 61). Treinador: Manuel Monteiro. 

COVILHÃ: Igor Araújo, Tiago Moreira, Zé Pedro, Edgar (Mateus, 78), Joel, Diarra (Bilel, 64), Gilberto, Zé Tiago, Davidson, Mailo e Xeka (Kevin Oliveira, 86). Treinador: Francisco Chaló. 


 O Covilhã entrou melhor, mais solto e pressionante, e criou diversas oportunidades de golo nos primeiros minutos, ao que foi reagindo o Leixões a partir de metade do primeiro tempo.  

No segundo tempo, o Leixões entrou melhor e, aos 60 minutos, inaugurou o marcador por intermédio de Ricardo Barros. Na sequência de uma jogada do lado esquerdo do chinês Guo Yi, que cruzou atrasado, Alemão amorteceu e Ricardo Barros, com um remate em arco, fez o golo. O avançado matosinhense voltou a marcar, aos 80, depois de Pedras o isolar na grande área. No entanto, nos descontos, o Sporting da Covilhã surpreendeu, ao chegar ao empate com dois golos de um ex-jogador leixonense, Zé Pedro, primeiro com um remate no 'coração' da área e depois a aproveitar um ressalto na área, no último lance da partida. 

Conferência de imprensa 

 Manuel Monteiro "Merecíamos e devíamos ter saído daqui com uma vitória. Foi um jogo bem conseguido da nossa parte, fomos melhores, fizemos dois golos em duas jogadas fantásticas, mas, de um momento para o outro, o chip desligou. Nunca apontarei o dedo aos jogadores. Temos uma equipa jovem, ansiosa por vitórias, mas há pormenores, como os de hoje, que nos custaram a vitória. Não estamos satisfeitos com o que aconteceu. Chegámos ao minuto noventa a ganhar por 2-0 justamente e em duas bolas paradas sofremos dois golos e desperdiçámos uma vitória de que tanto precisávamos. Tivemos dois jogos seguidos em casa que devíamos ter ganho, em especial este. Reconheço que há muita ansiedade, mas tudo vamos fazer para sair desta situação." 

 Francisco Chaló "Era um jogo surreal se perdêssemos, continua a ser mesmo empatando. A única ponta de sorte que tivemos foi conseguir empatar numa altura que estávamos a perder por dois a zero. Arrisco-me a dizer que nenhuma equipa conseguiu fazer aqui em Matosinhos aquilo que nos fizemos. O guarda-redes do Leixões teve algumas intervenções excelentes e os golos do Leixões surgem após duas grandes ocasiões nossas. Depois, só uma equipa com um grande espírito conseguia chegar ao empate e minimizar o que seria uma grande injustiça."

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC