RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

LAVRENSE E SERZEDO EMPATAM A UMA BOLA


 Lavrense e Serzedo mediram forças ontem na Vila de Lavra (Complexo Desportivo de Lavra). 

 Para o primeiro apronto da época, até que não correu mal para a equipa de Matosinhos, pois defrontou uma equipa de divisão superior (Divisão Elite), e o resultado saldou-se a um empate a uma bola, como golo Lavrense a ser apontado por Cardoso. 
Do encontro resultou uma lesão que esperamos, não seja grave do dianteiro e melhor marcador da equipa Lavrense a época passada, Tiago Carvalho.

 LAVRENSE: Telmo, Danny, Leandro, Grilo, Tiago Pinto, Ricardo, Couto e Gonçalo, Paulo Lopes Cardoso e Kaká Jogaram ainda; Diogo, Joao Magalhães, Ramos, Joel, Postiga, Joao Luis , Tiago Carvalho, Jota, Edu, Leonel, Mário e Diogo. Treinador José Pacheco.

LEIXÕES NÃO EVITA A DERROTA NO MONTE DA FORCA


2ª JORNADA DA LIGA 2 CABOVISÃO 
 Jogo no Complexo Desportivo Monte da Forca, em Vila Real. 
Árbitro: Carlos Xistra (Castelo Branco). 
Desportivo de Chaves - Leixões, 2-0. 
 Ao intervalo: 1-0.Marcadores: 1-0, Luís Pinto, 42 minutos. 2-0, Luís Pinto, 62. 

CHAVES: Paulo Ribeiro, Ricardo Chaves, Ricardo Rocha, Tengarrinha, Luís Pinto (Clemente, 84), João Fernandes, Kuca (Gustavo, 88), Barry (Éder, 75), Nélson, Sérgio Organista e Sagna.Treinador: João Eusébio. 

LEIXÕES Jorge Baptista, João Viana, Nuno Silva, Novais (Kizito,65), Ruben Saldanha (Rui Coentrão, 59), Cadinha, Anderson, Materazzi (Fábio Zola, 82), Talles, João Pedro e Mailo.Treinador: Pedro Correia. 

 Manhã negativa em Vila Real, com o Leixões Sport Club a ser batido pelo Desportivo de Chaves, por dois golos sem resposta, na segunda jornada da Liga 2 Cabovisão. 
 Dois remates de Luís Pinto deram o triunfo aos flavienses, numa partida em que o leixões merecia melhor sorte em especial pelo que fez no segundo tempo, fase em que a turma do mar enviou uma bola ao poste (Talles, 77’) e o ex-Leixonense Paulo Ribeiro teve de se aplicar a fundo para evitar golos na baliza do Chaves. 

 A primeira metade viria a terminar com a formação da casa a sair para a intervalo em vantagem graças a um golo apontado por Luís Pinto aos 42’. O Leixões fechou os 45 minutos iniciais com duas boas ocasiões. Mailo aos 17’ e Cadinha aos 26’. 
 O segundo golo dos flavienses viria a surgir aos 62’. Tudo começa com Barry a oferecer a bola a Luís Pinto depois de o primeiro ter tirado a bola ao capitão Nuno Silva. Talles, aos 77’, teve nos pés a oportunidade de reduzir mas o guardião dos de Chaves defendeu a bola acabando esta por embater no poste. O mesmo filme viria a repetir-se pouco depois por Rui Coentrão que fez a estreia oficial com a camisola do Leixões.

 SC Farense, quarta-feira, é o próximo adversário da LIGA2 Cabovisão. O objetivo será o de regressar novamente às vitórias.

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC