RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 11 de maio de 2014

EMPATE NA DESPEDIDA DE NUNO SILVA ( O ETERNO CAPITÃO)


42.ª e última jornada da Liga Cabovisão 
Estádio do Mar, em Matosinhos.
Árbitro: Cosme Machado (Braga). 
Leixões-União da Madeira, 1-1 
Ao intervalo: 0-1.Marcadores: 0-1, Ruben Andrade, 8'. 1-1, Novais, 48' g.p. 

Leixões: Ricardo Pinto, João Viana, Pedro Pinto, Materazzi, Huguinho, Moedas, Moreira (Pedras, 80'), Novais, Cadinha (Nuno Silva, 86'), Xavier (Ruben Saldanha, 69') e Mailo. Treinador: Manuel Monteiro. 

União da Madeira: Trigueira (Zé Manel, 82'), Calico, Zarabi, Ginho, André Dias, Toni (Jimmy, 63'), Babo, Ruben Andrade, Hugo Morais, Silva e Adilson (Chixaro, 73'). Treinador: Rui Mâncio.

Nuno Silva, que faz 39 anos em outubro próximo e representou o Leixões durante 14 temporadas, fazendo 422 jogos oficiais de emblema do Leixões ao peito, ficou com a camisola do árbitro, foi saudado tanto pelos companheiros como pelos adversários, despediu-se dos adeptos e da claque, que o aplaudiram de pé, e foi ainda homenageado pela SAD leixonense, recebendo uma bola autografa por todos que compõem o plantel da equipa de Matosinhos.
Sobre o jogo que até começou melhor para o Leixões, que podia ter marcado logo aos oito minutos, por Mailo. Mas, foi o União que se adiantou no marcador, graças a um remate de Ruben Andrade, que traiu Ricardo Pinto, uma vez que a bola tabelou num defesa leixonense e mudou de direção. Mailo ainda esteve perto do empate aos 27 minutos mas cabeceou por cima. 
No segundo tempo, praticamente a abrir Novais empata de grande penalidade trazendo justiça ao que se passava no tapete verde do Mar. Sem nada em jogo, a equipa de Matosinhos jogou de uma forma desinibida desperdiçando boas chances de marcar (Moreira ao minuto 61 e Mailo minuto 62 estiveram muito perto de dar vantagem ao Leixões). Momento alto do jogo verificou-se ao minuto 86, quando da entrada de Nuno Silva o eterno capitão da turma do Mar, em jogo para fazer a sua última aparição em termos oficiais num campo de futebol.

Fotos Duarte Rodrigues

LEÇA DO BALIO EM RITMO DE FESTA CEDE EMPATE CASEIRO

 

30ª JORNADA DA 2ª DIVISÃO SERIE 1 A F PORTO 
Complexo Desportivo Leça do Balio 
LEÇA DO BALIO 1 CD TORRÃO 1 
Ao intervalo, 0-1, golo baliense apontado por Carlos Diogo aos 80 minutos
  
LEÇA DO BALIO: Tiago, Carlitos (cap), Pedro Cardigos, Diogo e Ricardinho; Carlos Diogo, J.P., Quaresma, Ivo, Serginho e Shev. Treinador Prof. Nuno Ferreira. No banco de suplentes Mário Heitor tinha: João, Hugo Soares, Pedro, Miguel Grade, Faria, Futy e Paulo Fernandes
  
Com a subida já confirmada, a equipa de Mário Heitor, entrou para este jogo já em descompressão, consciente de que a tarde era de festa. Confirmando isso mesmo Mário Heitor, utilizou uma equipa composta pela sua maioria de jogadores menos utilizados, Miguel Mota, Edu, João Machado por exemplo não foram convocados. Mesmo assim e com tantas alterações, os balienses estiveram por diversas vezes perto de marcar, mas bem perto do intervalo, os gaienses, chegaram ao golo, aproveitando um desentendimento entre Tiago, jovem guarda-redes que substitui Miguel Mota e, Diogo defesa central que se deixa antecipar já no coração da área. 
No segundo tempo, os balienses chegaram à igualdade, bem merecida, através de Carlos Diogo, quando faltavam dez minutos para que o árbitro apitasse pela última vez, no jogo que confirmou a subida do D. Leça do Balio, seguindo-se os festejos bem merecidos pelo conjunto orientado por Mário Heitor, que tem já marcado para o próximo dia 24 de Maio o jogo para de apuramento do 3º lugar da 2ª distrital AF Porto, frente ao FC Vila Boa Quires, ou o Carvalhosa

RUI CARVALHO EX MAIA LIDADOR ESTÁ LIVRE DE COMPROMISSO.


Rui Pedro Coutinho Freire de Carvalho, 20 natural da Maia (Águas Santas), médio ofensivo, extremo direito, jogador do Maia Lidador, está livre de compromisso.
Jogador com a sua formação dividida entre os clubes maiatos, FC Maia e Nogueirense FC, sendo que o último ano da formação vestiu as cores do Padroense FC.
A época que a gora terminou RUI CARVALHO, esteve e bem ao serviço do Maia Lidador, sendo ele um dos imprescindíveis da equipa, revelando-se bastante concretizador  (8 golos) numa Divisão de Honra e numa equipa que lutou sempre para fugir aos lugares de despromoção.
O jovem promissor destaca-se pela velocidade, sendo forte no um para um, qualidade de passe e recepção, não se fazendo rogado na hora de finalizar.


LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC