RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Vítor deu última vitória no Mar


Foi de Vítor Oliveira o golo que deu a última vitória do Leixões frente ao Atlético, em jogos realizados em Matosinhos. Esse mesmo, o actual treinador do Arouca, que em 1972/73 dava os primeiros passos enquanto sénior. "Foi de cabeça", recorda, quase quarenta anos depois. Vítor, como era tratado, fez dupla no ataque com Cacheira e tinham Vaqueiro, hoje treinador do Freamunde, e Neca a servi-los nos flancos. Fonseca, actual treinador dos guarda-redes do clube, era o guardião; Celestino, Adriano, Nicolau e Raul foram os defesas; Eliseu e Teixeira compunham o meio-campo. "Era um grupo fantástico, com muita gente vinda dos escalões de formação e de Matosinhos, como eu. Julgo que o Celestino e o Geraldinho (suplente utilizado, como Montóia), que era brasileiro, eram excepções", relembra. O Leixões também venceria no encontro disputado em Lisboa, numa altura em que ambas as equipas disputavam o principal campeonato. A partir de então, houve oito jogos oficiais entre os dois emblemas e o de Matosinhos não venceu qualquer um deles. Vítor Oliveira não é indiferente ao clube onde se fez jogador e que também treinou. "Gosto que o Leixões ganhe e por isso torço por uma vitória". Se ela acontecer, quem lhe sucede na tarefa de abater o Atlético no Mar? Estará mais um bebé na calha?

O JOGO

FUTEBOL DE MATOSINHOS TEM TALENTOS (ANDRÉ RIBEIRO)

ANDRÉ RIBEIRO VALOR SEGURO DO INFESTA

André Ribeiro: Jogador natural de São Mamede de Infesta, não conhece outra camisola a não ser a do Infesta, desde 1999, altura em que entrou para as escolinhas do clube.

Jogador com grande postura e atitude em campo e com altos níveis de concentração, foi capitão da equipa do Infesta que brilhantemente conquistou o titulo distrital de juniores na temporada passada. Agressivo na disputa da bola, tem grande impulsão e forte cabeceamento e também sabe sair a jogar.

André Ribeiro, conseguiu permanecer no Infesta, estando no plantel sénior, orientado por José Manuel Ribeiro. Ainda não jogou, mas qualidade não lhe falta até porque quando os juniores do Infesta estavam na 2ª Divisão Nacional em 2009/10, o André Ribeiro, era titular na equipa e chegou a ser pré convocado para a Selecção Nacional de sub-17,

FUTEBOL DE MATOSINHOS TEM TALENTOS (HÉLDER FREITAS)

HÉLDER FREITAS PRODUTO DA FORMAÇÃO INFESTISTA

Hélder Freitas: Actualmente a cumprir o primeiro ano de sénior no Mocidade de S.Gemil, iniciou a carreira aos 8 anos, precisamente no clube onde actua. Fez 3 anos no escalão de escolas, primeiro no S.Gemil, o segundo no Inter de Milheirós e no terceiro, regressou ao S.Gemil onde cumpriu também os seus dois anos de infantil. Depois surgiu o convite do Leixões onde fez o seu primeiro ano de iniciado. No segundo ano foi para o Infesta onde actuou até ao ultimo ano de junior. Teve como ponto mais alto da carreira, o titulo distrital pelo Infesta na temporada passada.
Quanto a características, é um médio organizador com boa leitura de jogo, tem como ponto mais forte a qualidade de passe e a visão de jogo, também possui um bom remate, bom posicionamento, tanto joga na posição 6, como 8 ou a 10.
A melhorar, a agressividade e o jogo aéreo porque apesar de ter 1,80 cm. não ganha muitas bolas no ar.

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC