RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 13 de abril de 2020

SELEÇÃO ABDICA METADE DO PRÉMIO DE QUALIFICAÇÃO EURO'2020 PARA FUTEBOL NÃO PROFISSIONAL

A seleção nacional por ordem do capitão Cristiano Ronaldo pediu aos companheiros de trabalho para abdicar de metade do prémio de qualificação do Euro'2020 para doar aos clubes do futebol e futsal não profissional, revelou a Federação.

A seleção doou cerca de um milhão de euros para o fundo que já era de 4,7 milhões de euros.

Assim no total, a Federação Portuguesa de Futebol tem cerca de 6,7 milhões de euros para emprestar aos clubes que façam parte das provas nacionais não profissionais como o Leça no Campeonato de Portugal, Freixieiro da segunda divisão nacional de futsal e Leça do Balio da segunda divisão feminina de futebol. 

"Se partilhamos as mesmas inquietações em relação à saúde pública e segurança de todos os que nos rodeiam; se sentimos a mesma vontade de regressar aos relvados, também é verdade que estamos conscientes que o futebol nos proporcionou condições de vos podermos ajudar a superar os obstáculos com que se confrontam diariamente, ao mesmo tempo que contribuímos, esperamos, para os vossos futuros sucessos", comunicou a seleção nacional que tem dentro do seu lote habitual de jogadores o guarda-redes ex-Leixões Beto.

A verba caso os clubes matosinhenses decidam aderir ao programa de apoio é concedida a título de empréstimo, sem juros, e liquidada em prestações, primeiro em junho de 2021 (10%), 2022 (25%), 2023 (40%) e 2024 (25%). 


Fonte da Foto: FPF


Diogo Bernardino

"TENHO O RITUAL DE CALÇAR A LUVA E BOTA ESQUERDA MAIS TOALHA AZUL"

O guarda-redes do Leça, Jorge Cristiano, revelou que tem o ritual de "calçar a luva e bota esquerda em primeiro mais uma toalha azul", em declarações às redes sociais do clube.

"O Leça é mais que um clube, é uma família", descreveu o guarda-redes do Leça.

Cristiano mencionou que a vitória por 2-1 frente ao Lusitano de Vildemoinhos foi a vitória mais saborosa do campeonato.

Apontou como puxa-saco o seu companheiro brasileiro Gustavo Galil. O avançado Pedro Prazeres é considerado o melhor jogador do plantel, na sua opinião, mas também como o mais molengão do grupo.

O avançado João Van Zeller é considerado para Jorge Cristiano o jogador mais aziado dentro do grupo, além de ser o último a chegar aos treinos.

O lateral Joel Mateus é o pior jogador de FIFA segundo Cristiano e o central Né Lopes é o mais vaidoso dentro do grupo.
Jorge Cristiano revelou que caso não fosse guarda-redes, seria lateral-direito.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

CAPITÃES DO CAMPEONATO DE PORTUGAL INCLUINDO DO LEÇA PEDEM PLAY-OFF A 16 EQUIPAS

Capitães do Campeonato de Portugal que inclui Leça, Anadia, Alverca, Louletano, Sertanense, SC Espinho e Vitória SC B pedem play-off a 16 equipas para ajudar jogadores a "alimentar suas famílias", em carta enviada à Federação Portuguesa de Futebol.

No documento a que o Mitchfoot teve acesso, os capitães de V. Guimarães B (Jorginho), Espinho (Carlitos), Leça (Paulo Lopes), Rui Rainho (Anadia), Bruno Torres (Sertanense), Rafael Castanheira (Alverca) e Hélio Pinto (Louletano) sete das oito equipas que ficaram à data da suspensão em terceiro e quarto lugar com muitas possibilidades de se qualificarem para o play-off que seria realizado caso não houvesse a situação da pandemia enviaram uma carta à FPF pedindo um play-off com 16 equipas. 

"Julgamos que um play-off a 16 equipas (as 4 primeiras de cada série) seria uma decisão ajustada à realidade em que se encontrava a classificação à data de interrupção do campeonato", salienta o comunicado já enviado aos dirigentes máximos da Federação que rege o Campeonato de Portugal.

O Mitchfoot sabe em exclusivo que o Presidente do clube José António Pinho e o treinador Domingos Barros apoiam esta decisão de avançar para um play-off para 16 equipas para dar a oportunidade de em campo as equipas que a nove jornadas do fim da primeira fase do campeonato tinham hipóteses de se qualificar para o play-off.

"O nosso desejo é simples: se vão haver subidas de divisão, deixem ser os jogadores a disputá-las dentro do campo!", destacam o grupo de capitães. 

Os vários líderes de balneário frisam que é da "maior importância" ajudar os atletas que neste momento passam por uma "má situação" para terem a garantia de que "terão o devido sustento para as suas famílias num futuro próximo"

"Só este pequeno grupo de dignos profissionais que de sua atividade e do Campeonato de Portugal alimentam suas famílias, por volta de 500 a 600 pessoas, que vivem desta indústria. Mais que lutamos dentro do campo, lutamos por nós e pelos nossos!", destacam os capitães no comunicado.

Estes referem as consequências que esta paragem traz não só aos clubes e aos jogadores em termos económicos, mas também para os jogadores a nível de performance e em termos profissionais.

"Gostaríamos de relembrar que o Campeonato de Portugal é a competição nacional com maior número de atletas, são cerca de 3000 jogadores que participam neste campeonato. O facto da competição ter sido interrompida não nos prejudica apenas em termos económicos, prejudica-nos também em termos profissionais e de performance", mencionam. 

"Estar sem competir durante tanto tempo não é benéfico para nenhum atleta. Os jogadores de alta competição dependem disso mesmo, da competição para se poderem valorizar e consequentemente dar seguimento às suas carreiras", sublinha o comunicado.

O grupo de capitães elogiam "o grande trabalho" que a Federação e o Sindicato dos Jogadores estão a realizar para "minimizar os eventos desta crise", sugerem o play-off a 16 equipas para se reduzir "o número de jogadores e clubes prejudicados".

«Assumimos e reconhecemos que quem vai na frente merece ser recompensado, logo, um play-off em que os primeiros classificados entrassem numa fase mais avançada seria um prémio merecido para as equipas que se encontravam no topo da tabela», pode ler-se.

O Mitchfoot sabe que a maioria dos jogadores que competem no Leça são na sua maioria jogadores profissionais que vivem só e exclusivamente do salário do futebol

No comunicado os jogadores mencionam que "a saúde e o bem estar estão acima de tudo" e a consciência de que "nunca será tomada a decisão ideal nem a mais justa" pede que menos clubes e jogadores sejam prejudicados.

A fase regular do campeonato de Portugal não se vai realizar mais, mas o comunicado da Federação deixou em aberto a hipótese de dois clubes subirem à II Liga. 

Convém não esquecer que é nestes clubes que se residem uma base de muitos jogadores de qualidade em Portugal, digamos assim a base do futebol.

O Campeonato de Portugal gere à sua volta cerca de 30 milhões de euros por ano. 

Na Série B o Leça com 46 pontos em quarto lugar a nove jornadas do fim estava a quatro pontos do Lusitânia de Lourosa que estava em segundo e o Espinho em terceiro a dois do segundo.

Na Série A o Vitória SC B em terceiro estava a quarto pontos do segundo lugar ocupado pelo Fafe (52) e o SC Braga B em quarto lugar a seis pontos, com 46 no total.

Na Série C o Anadia estava a apenas um ponto do segundo lugar ocupado pelo Benfica Castelo Branco e o Sertanense a quarto pontos no quarto lugar.

Na Série D o Alverca estava a quarto pontos dos primeiros dois classificados, o Olhanense e o Real que tem 57 pontos e o Louletano a seis pontos.

A decisão de como se vai realizar o play-off deve ser tomada esta quinta-feira depois das reuniões com todos os clubes do Campeonato de Portugal esta quarta e quinta em videoconferência com os dirigentes máximos de cada clube com o presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes e o presidente do Sindicato dos Jogadores profissionais de Futebol, Joaquim Evangelista.



Fonte das Fotos: DR 


Diogo Bernardino

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC