RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

ARMÉNIO SANTOS AO SEU JEITO CONTA COMO FOI....


MITCHFOOT
Presidente, como é domínio publico, tem gerado alguma polemica a substituição de comando técnico da equipa Lavrense. Acredito por isso ter necessidade de tecer algumas considerações em relação à troca de equipa técnica.

ARMÉNIO SANTOS
Sim é verdade, mas deixa-me em primeiro ligar agradecer a oportunidade que o prestigiado Blog Mitchfoot me dá do facto de pela primeira vez falar publicamente a razão desta minha decisão.
Disseste polemica, eu não alimento polemicas , aliás não fui eu que comecei todo este “lavar de roupa suja” e pela primeira vez e última vou falar sobre o assunto.
À semelhança do que é uma prática comum (ai poderemos discutir se deve ser sempre assim ou não), em todos os clubes do mundo, que tem objetivos definidos e o Lavrense nesse capitulo não pretende fugir à regra, o que segura os treinadores, são os resultados. Lidero este clube com total disponibilidade e ambição, trabalho conjuntamente com a minha direcção no sentido de que todos os dias nada falte à equipa de futebol. Não julguem que tem sido fácil todo este trajeto… tem sido um caminho extremamente duro de percorrer… e já que tanto custou chegar até aqui (foram duas subidas de divisão, jamais alcançadas pelo Lavrense), pretendemos solidificar a presença nesta divisão d´elite.
Há dois anos atrás tomei a decisão de trocar de comando técnico pelas mesmas razões de agora e não me apercebi de que a decisão na altura caísse no ridículo de trocas constantes de acusações nas redes socias como desta vez. Dispensei uma equipa técnica liderada por José Pacheco no inicio do campeonato (4 jogos/ derrotas) o mesmo que na época  anterior tinha subido o Lavrense à Honra.
 Para sua substituição fui contratar o Treinador Leandro (minha aposta pessoal) um treinador que não tinha curriculum ao nível sénior (apenas uma passagem como adjunto de Nuno Costa na AD Grijó) mas acreditei nas suas potencialidades  e avancei para a sua contratação.
No primeiro ano, eu mesmo o segurei e o demovi da ideia de se demitir a quando do jogo em que realizamos no FC Infesta “ dizendo-lhe que era uma aposta pessoal e que ele iria comigo até ao fim.
No segundo ano apesar de as coisas não terem começado da melhor forma o Leandro continuou a sua caminha sempre com o meu total apoio, acreditando na consolidação e manutenção na divisão de honra, só que fruto diga-se de muito trabalho, e de muita crença e de alguma conjuntura de resultados deparamo-nos com a forte possibilidade de subir a equipa à Elite…pena foi de que a 3 jornada do fim, e quando tínhamos tudo para o conseguir…acabamos por como se costuma dizer morrer na praia. Dado a necessidade de estruturar o quadro competitivo dos campeonatos da AFP, o Lavrense foi repescado para disputar um paly off de acesso à Elite e aí de uma forma muito feliz, até porque começamos com uma derrota em casa viríamos a conseguir com total merecimento a tão almejada subida que tínhamos falhado quando estávamos na melhor posição para o conseguir. 
Esta época e com 9 jornadas já decorridas, apenas vencemos o primeiro jogo disputado em casa, pelo meio temos dois empates Gondim casa e Leça fora.
Por tudo isto tomei a decisão de substituir o treinador porque senti de perto que as condições já não eram as melhores e tinha que mudar o rumo aos acontecimentos. Substituição essa que foi conduzida como em meu entender deve ser sempre, com elegância e transparência. Apos a derrota frente ao Pedrouços no passado sábado em casa falei com o Leandro na segunda feira seguinte de que a contestação estava a fazer-se notar porque os resultados não apareciam e dei-lhe um voto de confiança para o jogo a seguir em Rio Tinto. Para meu espanto nessa mesma segunda-feira antes do jogo em Rio Tinto o mister Leandro dirigiu-se a mim dizendo que aconteça o que acontecer eu e a minha equipa técnica estamos fora, não me deixando outra alternativa do que pura e simplesmente partir para a contratação de outra equipa técnica.

MITCHFOOT
Pois mas aqui levanta-se a questão pelo menos é o que circula na opinião publica, de que o novo treinador já estava contratado e que mais tarde ou mais cedo vinha assumir o comando técnico da equipa Lavrense.

ARMÉNIO SANTOS
Bem é assim…como homem do futebol e como presidente de um clube que pretende afirmar-se de uma vez por todas na principal prova da AFP, tenho vários contactos e excelentes relações com vários agentes desportivos sejam eles presidentes, diretores, treinadores, jogadores etc. etc…com todos vou falando e conversando sobre várias situações que possam surgir no futuro com o propósito de estar sempre precavido para alguma eventualidade.
Mister Gaiteiro está nesse rol bastante alargado de amizades do futebol. Para te dizer com franqueza apesar de ser um dos meus sonhos ter o mister Gaiteiro como treinador do Lavrense, nunca o contactei nesse sentido, porque pensava eu que o mister Gaiteiro pelo passado e experiencia que adquiriu era um treinador caro para as nossa pretensões.  
Facto que constatei para minha satisfação de que estava enganado e revelo-te tudo isto, para te dizer que só contactei para um eventual compromisso com Lavrense, no sábado à noite após a derrota em casa frente ao Pedrouços e depois de ter dado o voto de confiança ao mister Leandro que como já referi atrás não aceitou e preferiu bater com a porta.
Aí sim depois do Leandro bater com a porta , eu nessa segunda-feira a noite fechei a contratação com o Gaiteiro, dizendo-lhe que na proxima quarta-feira já era ele a orientar o treino.  
É isto que tenho para esclarecer todos aqueles que de uma forma apaixonada e bastante atenta tem seguido este assunto que espero fique encerrado definitivamente para bem do futebol e para bem de todos os envolvidos.
Não percebo esta indignação toda nem estes comentários que se tem feito, a minha relação com o Leandro continua exactamente  mesma que tinha. Aproveito para lhe desejar as maiores felicidades para o futuro e agradecer tudo que fez em prol da U.D.Lavrense.

MITCHFOOT
Esclarecido este assunto, vamos nos debruçar sobre e quais a suas perspetivas de futuro para o clube que dirige, diga-se com bastante sucesso.

ARMÉNIO SANTOS
Olha meu amigo, as perspetivas são as melhores, porque acredito neste treinador acredito na sua experiencia no seu curriculum bem patente, porque tem um passado que fala por si, por que é acompanhado por gente capaz, porque tem montado em seu redor um vastíssimo reconhecimento de qualidade. Apesar de já ter dito que era um sonho pessoal ver o Mister Gaiteiro a treinar o Lavrense estou bastante otimista em relação ao futuro e acredito que vamos conseguir os objetivos fazendo da U D Lavresne uma equipa mais consistente e definitivamente consolidada nesta divisão para quem sabe e com mister Gaiteiro (que espero seja por muitos anos) a liderar um projeto que nos faça acreditar noutros patamares do futebol português    




JORGE TEIXEIRA (JORGINHO) ESTÁ DE REGRESSO AO FUTEBOL


Jorge Manuel Teixeira Pereira (Jorginho)
Treinador de futebol de nível 1 (60) Natural de Lousada Residente em Pedras Rubras
Jorginho esta de volta ao futebol uma vez que está livre de compromisso profissional e pretende ocupar o seu tempo com a sua paixão desde miúdo, que estar de uma forma mais evolvido com o futebol.
Jorginho confidenciou ao Mitchfoot, que pretende regressar “ de uma forma quase gratuita”, porque a sua paixão fala mais alto e necessariamente os valores monetários não lhe fazem falta. Jorginho enquanto jogador fez um percurso que o levou aos nacionais (Maia FC) sendo ele formado no Ermesinde, passou também pelo futebol de Matosinhos representando o FC Perafita e os Lusitanos de Santa Cruz, tendo duas épocas representado também o FC pedras Rubras.
Jorginho que foi o primeiro treinador da U D Lavrense (1994/95) aquando da fusão dos três clubes de Lavra, foi também Adjunto do ex internacional Eliseu Boavista e Leixões sendo também adjunto de Albertino também ex internacional Leixões Boavista e FC Porto a quando da passagem deste pelo Avintes na III Divisão Nacional
Hoje e com total de tempo disponível Jorginho está ansioso que o telefone toque para assumir um eventual compromisso.

Contacto: 963 668942

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC