RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 9 de fevereiro de 2014

JUSTA A DIVISÃO DE PONTOS NO DERBI CONCELHIO DA A F PORTO


AF Porto - 1ª Divisão Série 1 | Jornada 19
Estádio Custóias Futebol Clube
Árbitro Rui Ferreira
CUSTÓIAS 0 OS LUSITANOS 0

 
CUSTÓIAS: Figueiras, Rochinha, Tozé, Batista, Renato, Zé Augusto, Medeiros, Oliveira, Ferrer e Santa Cruz. T Mário Rui
   
OS LUSITANOS: Zé Filipe, Filipe, Pippo, Edu e Tarrelo, Rui Dias, Ricardinho e Meneses, Gouveia, Suiço e Nélson. T. Albino Guerra 

Derbi concelhio, disputado de baixo de um forte temporal, à imagem do que se vai passando em todo o país (São Pedro lá vai dando algumas tréguas). Jogo bem disputado, mas nem sempre bem jogado, em que a divisão de pontos é justa, embora a igualde verificada ao fim dos 90 minutos, assentava melhor com golos, pois ambas as equipas conseguiram criar excelentes oportunidades de marcar (três para cada lado). A equipa custóiense, apesar de apenas somar um ponto na tabela, sobe ao 2º lugar de pareceria com mais duas equipas, com 34 pontos. De referir também que este encontro serviu para o lateral/médio ex Leixões e AC. Viseu, se estrear com a camisola do Custóias 

 FOTOS MANUEL SÁ

BALIO SOMA MAIS UM PONTO NA FOLGA DO ERMESINDE


2ª DIVISÃO SÉRIE1 A F PORTO JORNADA 18 
Complexo Desportivo de Campanhã, no Porto. 
 Arbitro: José Ferreira. 
 S. VÍTOR 1 LEÇA DO BALIO 1 
Ao intervalo: 1-1, Marcadores: Miguel Grade (8´) 

 LEÇA DO BALIO: Miguel Mota, Seixas, Berto, Hélder e Carlitos, Carlos Diogo, Quaresma, João Machado e Edú, Grade e Shev. Jogaram ainda: Ivo e Paulo Fernandes.Treinador: Mário Heitor. 

 

 Numa tarde bastante fria e de chuva a formação do Leça Do Balio, empatou em Campanhã frente ao S. Vítor e continua na liderança do campeonato com 42 pontos. Entrou bem no jogo a equipa Baliense com uma dinâmica boa com bastante posse de bola, apresentando um bom futebol, chegando rapidamente ao golo inaugural. Uma grande arrancada de Miguel Grade que se isolou e perante a oposição do guarda redes do S. Vítor não teve dificuldades em fazer o golo. Miguel Grade marcou o seu segundo golo consecutivo, visto que já tinha marcado na jornada anterior frente ao S. Romão. O S. Vítor tentou reagir ao golo, mas uma pressão muito boa dos homens de Matosinhos não deixava a equipa portuense construir jogo. Em transições rápidas a equipa aurinegra podia mesmo ter dilatado o marcador mas desperdiçou boas oportunidades na finalização. Após os primeiros vinte minutos de jogo de domínio absoluto do Leça do Balio, a equipa portuense conseguiu aproximar-se da baliza de Miguel Mota, criando perigo especialmente em bolas paradas. A equipa do S. Vítor aproveitou algum adormecimento da equipa Baliense, e chegou ao golo ao minuto 40, num grande remate fora da área não dando qualquer hipótese de defesa a Miguel Mota.

   

No segundo tempo a equipa Baliense não acusou o golo sofrido perto do intervalo, dominou os acontecimentos, conseguindo jogar quase sempre no meio campo da equipa portuense, criando várias oportunidades de golo, mas sempre sem sucesso. O técnico Mário Heitor mexeu na equipa para criar mais soluções no ataque, mas os seus jogadores não conseguiram descobrir o caminho para o golo, também por mérito da equipa do S. Vítor, uma das melhoras desta divisão, bem organizada, com bons jogadores que fez um excelente jogo, criando muitas dificuldades ao líder do campeonato. Chegou o fim do jogo com um empate que soube a pouco, devido aos jogadores da formação de Matosinhos terem tido uma grande atitude durante o jogo e com bons períodos de jogo para conseguirem os três pontos. 
 Na próxima jornada a equipa do Leça do Balio recebe o Inter de Milheirós no seu estádio.

ASSIM NÃO DÁ ESPADINHA! LEIXÕES 0 BEIRA MAR 1


29.ª Jornada da Liga Cabovisão
Jogo no estádio do Mar, em Matosinhos.
Árbitro: Carlos Espadinha (Portalegre).
LEIXÕES 0 BEIRA-MAR 1 Marcador: 0-1, Pité, 52 m.

 LEIXÕES: Chastre, Oto'o, Zé Pedro (Pedras, 78), Materazzi, Huguinho, Anderson, Moedas (Fábio Zola, 69), Cadinha, Rui Coentrão, Moreira e Mailo.Treinador: Pedro Correia.

 BEIRA-MAR: Rego, Daffara, Jaime, Hugo Lopes, Daniel Martins, Dias, Pité (Jeferson, 71), Hélder Tavares, André Sousa, Willyan (Cristian, 77) e Cocco (André Nogueira, 86).Treinador: Daniel Fortunato.

A jogar contra mais do que 11 jogadores será sempre difícil sair vencedor de um jogo em que a equipa que mais acreditou, que mais lutou foi o Leixões perante um Beira-Mar que, apático, pouco ou nada fez para levar os três pontos do Estádio do Mar. Depois da vitória conquistada na última jornada na Trofa, o Leixões queria dar sequência aos bons resultados voltando, diante dos seus adeptos, aos resultados positivos. Mas não foi, porém, isso que se verificou e logo aos 4 minutos Pité teve uma das melhores ocasiões dos forasteiros ao rematar por cima da baliza de Chastre. A partir daí só ia dar Leixões senão vejamos: aos 9' após canto de Cadinha Zé Pedro cabeceia e Rui Rego defende em cima da linha, aos 26' o mesmo Zé Pedro, na conversão de um livre, remata com a bola a passar ao lado do poste esquerdo; aos 29', Moedas começa a jogada que passa por Cadinha e termina na cabeça de Materazzi que cabeceiaria por cima; aos 39' Jaime tirou a bola em cima da linha de golo impedindo que o Leixões antes do intervalo.

 A seguir ao período de descanso o Leixões não perdeu o ritmo e viria, novamente, a insistir mas a defensiva aveirense não dava oportunidade de que o Leixões se adiantasse no marcador. Num dos poucos momentos que o Beira-Mar teve a bola nos pés... o golo. Pité, de longe, surpreendeu o guardião leixonense que não teve a mínima hipótese de defender o remate colocado de fora da área. Mesmo a perder - o Beira-Mar não merecia estar na frente do marcador - a equipa de Pedro Correia que já contou com Xavier (em campo a partir dos 54') foi para cima do adversário sendo que aos 56' teve nova oportunidade de inaugurar o marcador... haveria, no entanto, de aparecer um jogador do Beira-Mar a salvar a sua equipa de sofrer o empate. Já depois dos 90' o Estádio reclamou uma grande penalidade com a queda de Mailo em plena área. Para desespero de todos os presentes, Carlos Espadinha nada assinalou e o Leixões viria a sair derrotado pela margem mínima. Próximo domingo há nova jornada com curta deslocação a Vila Nova de Gaia para defrontar o FC Porto "B" em mais uma jornada da Liga2 Cabovisão. O jogo está marcado para as 15h00 de domingo tal como divulgou esta sexta-feira em comunicado.

 Conferência de Imprensa

"Hoje era dia para vermos aquilo que vimos no Leixões: bom futebol. Uns justifcam-se com mau tempo mas nós justificámo-nos com um bom futebol, fomos muito superiores em muitos momentos. O adversário chegou ao golo sem entrar na área. Nós tivemos, sem exagero, 10 oportunidades ao longo do jogo todos. Devíamos ter tido mais eficácia daquilo que tivemos. Depois de marcar, o guarda-redes do Beira-Mar é o protagonista sem contar com um outro protagonista que surgiu no decorrer do encontro, mas desse nunca devemos falar que já cá tinham estado... No futebol dizem que é difícil marcar grandes penalidades contra a equipa da casa. Pelos vistos o mérito é quando prejudicamos a equipa da casa... Fico estupefacto com uma exibição desta. A nossa exibição completou-nos mas não podemos falhar tanto. Demérito nosso em que não concretizámos. Faltam 13 jornadas e o caminho é longo. Vamos ganhar muitos pontos e batalhar muito. Hoje saímos com a noção de que vamos ter que trabalhar contra muita coisa. Não sei o que se passa. Sei que mais uma vez com um árbitro que pretende estar numa liga profissional hoje foi um mau dia e o outro foi exatamente no dia do Porto B. Nesse mau dia apanhámos este árbitro. Tivemos uma entrega que nos orgulhou. Ao longo da semana vamos trabalhar em equipa. Não merecemos minimamente estar numa classificação onde estamos. Os objetivos passam por assegurar a manutenção e depois pontuar que foi aquilo que hoje não fizemos. Queremos orgulhar os nossos adeptos e o clube. Em relação ao Xavier posso dizer que todos os jogadores cumpriram aquilo que lhes foi pedido." Pedro Correia, treinador do Leixões SC

BLOG LEIXÕES

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC