RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

ENTREVISTA DE BESSA (CAPITÃO SC SENHORA DA HORA) AO MITCHFOOT

MITCHFOOT - Conta-nos o teu passado/percurso como jogador...

CARLOS BESSA - Em primeiro lugar quero agradecer este convite do mitchfoot ! Bem relativamente ao meu percurso iniciei a minha formação no F.C. Foz no primeiro ano de infantis tendo transitado para o Boavista F.C na época seguinte, onde permaneci até ao ultimo ano de Júnior, alternado entre a equipa satélite (Pasteleira), onde inclusive joguei pela equipa sénior com idade de juvenil primeiro ano, onde defrontei o meu Grande amigo Stam logo no meu jogo de estreia. Como Sénior tive passagens pelo Vilanovense, Nogueirense, F.C. Foz (onde fui campeão distrital da 2ª divisão) Leça do Balio e actualmente , com 24 anos, estou com muito gosto e orgulho no Senhora da Hora. 

M - Quem é o Bessa fora dos relvados?

 CB - Sou uma pessoa tranquila, dou muito valor as amizades que tenho, sou profissional e dedicado a qualquer projecto que me envolva. 

M - Tens algum jogador que te sirva de referência? 

CB - Óbvio que todos temos uma referência, como Jogador Zlatan Ibrahimovic, sem dúvida o melhor ponta de lança por todos os motivos, só não gosto da sua personalidade pois acho que a humildade e o respeito pelos outros fica bem a todas as pessoas. 

M - Como homem do futebol, tens o teu clube do coração, queres dizer-nos qual é? 

CB - Como sou ambicioso tinha que ser do FUTEBOL CLUBE DO PORTO. Sou 100% Portista, sócio desde 1 de Agosto de 1989 e com as quotas todas em dia!!!

M - Prato e passatempo favorito?

CB - Francesinha é sem dúvida uma tentação, apesar de gostar de muitos outros pratos pois sou um bom garfo, como passatempo favorito é jogar um FIFA ou Um PES com os amigos. 

M - O Desportivo Leça do Balio, clube que representas-te nas ultimas temporadas, desceu de divisão, guardas o clube no coração…, o que te fez mudar de emblema?

CB - Bem, o Leça do Balio só guardo boas recordações, pois é um clube que me recebeu muito bem e onde fui muito feliz e onde deixei muito amigos de quem tenho muita consideração e respeito. A descida de divisão? Bem isso é uma longa história que daria para escrever muita coisa mas o que posso dizer é que foi uma tremenda injustiça, pois em muitos jogos fomos prejudicados pelas arbitragens, contudo terminamos com 34 pontos o que por norma não acontece com as equipas que descem de divisão, até nisso tivemos menos sorte. Mas eu acredito que o Leça do Balio está bem orientado e com um bom plantel com capacidade para voltar a 1ª divisão. Quanto ao facto de não ter continuado, é simples, o projecto senhora da hora seduzi-me mais e por isso aqui estou neste clube tão carismático. 

 M - Como surgiu a oportunidade de representares o Senhora da Hora ? 

CB - O presidente Vasco demonstrou vontade de me ter aqui no clube e os meus amigos Stam, Virgílio e Dinis fizeram o resto, isto é, convenceram-me a abraçar este projecto pois com eles é sempre mais motivador, pois fiquei com a certeza que iríamos criar um balneário unido, como já tinha acontecido anteriormente no Leça do Balio. 

M - Primeiro ano como sénior do Senhora da Hora e logo capitão, como te sentes com essa função dentro e fora do relvado? 

CB - Em primeiro lugar muito lisonjeado com a opção da equipa técnica, contudo a mensagem deles foi de que a braçadeira não é só para passear e de tenha mais responsabilidades que todos os outros e que sou responsável por manter a nossa equipa toda unida independentemente dos bons ou maus resultados. 

 M - O que perspectivas para a época de 2013/2014, o Senhora da Hora, está preparado para “atacar” um campeonato tranquilo, ou aspiras a algo mais?

 CB - Vou usar a frase do mister Nuno, é entrar todos os jogos com um ponto (0-0), nunca perder esse e procurar os outros dois. Com isto quero eu dizer que vamos pensar jogo a jogo lutando sempre pelos 3 pontos independentemente de quem seja o adversário.

 M - Qual a tua opinião, sobre a nova conjuntura das competições da A F Porto (divisão elite, Divisão de Honra, 1ª divisão e 2ª Divisão) o que é que achas, sobre tantas subidas de divisão, os campeonatos tornaram-se mais competitivos? 

CB - As reformas organizacionais, seja em que área for, servem para melhorar o rendimento e nesse sentido temos que esperar para ver como correm essas alterações. Prefiro realçar mais aqui a Taça Brali, pois serve de preparação para o campeonato e também para medir forças com equipas de outras divisões, desde que as equipas sejam bem sucedidas na fase de grupos.

 

M - Dá-me a tua opinião, sincera sobre o blog Mitchfoot, o que é que achas em relação a divulgação prestada em termos de comunicação social (Redes sócias)? 

CB - Considero louvável todas as atitudes que sirvam para promover o futebol distrital, pois normalmente não tem muita enfase nos meios de comunicação social. Nesse sentido o mitchfoot é o nosso jornal, isto é , diariamente saem noticias que nos fazem sentir praticamente como profissionais. Os meus sinceros parabéns por todas as vossas iniciativas, incluindo esta entrevista. 

M - Queres deixar uma mensagem aos adeptos do Senhora da Hora. 

CB - Em primeiro lugar agradecer todo o apoio que tem sido dado e pedir que continuem a acreditar na equipa do 1º ao ultimo minuto.

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC