RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

sábado, 8 de fevereiro de 2020

ÚLTIMA HORA: ZÉ CARLOS E ROMÁRIO ESTREIAM-SE A TITULARES NO CLÁSSICO COM O VARZIM

Manuel Cajuda vai apostar em Zé Carlos e Romário Baldé a titulares no seu primeiro jogo com a camisola do Leixões, anunciou hoje a Liga Portugal.

Dos 20 convocados, ficaram de fora Pedrinho e João Graça. O onze titular do Leixões é: Stefanovic, Zé Carlos, Bura, Pedro Pinto, Derick, Amine, Luís Silva, Avto, Romário Baldé, André Claro e Harramiz.

No banco: Miguel Oliveira, Pedro Monteiro, Vítor Bruno, Paná, Braga, Franco e Perdigão.

Na equipa do Varzim com: Serginho, Cerveira, Luís Pedro, Hugo Gomes, João Amorim, Pedro Ferreira, Rui Moreira, Caetano, Soisalo, Lumeka e Ruiz.


Fonte da Foto: Leixões SAD


Diogo Bernardino

EXIBIÇÃO DE LUXO GARANTE REGRESSO AOS TRIUNFOS PARA O LEÇA

Complexo Desportivo de Valadares, em Gaia
Campeonato de Portugal Série B (21.ª Jornada)
Árbitro: Fábio Loureiro (AF Viseu)
Valadares 1-4 Leça

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: Midana (37), Adilson (44 e 69), Isaac Cissé (74 e 79)
Ação disciplinar: Amarelo para Samuel Teles (29), Kevin Lopez (39), Ricardo Barros (53), Pedro Silva (60)


Valadares: Jeferson, Eridson (Caleb Gomina, 34), Miguel Quintero, Quichini, Igor Rocha, Diogo Sousa, Leônidas, Kevin Lopez, Midana, Pedro Silva e Fabrício (Ricardo Barros, 45)

Treinador: Carlos Cunha


Leça: Cristiano, Cláudio Borges, Manuel Lopes, Pecks, João Pedro, Samuel Teles (Jair, 86), João Paulo, Nelsinho, Isaac Boakye (Isaac Cissé, 74), João Van Zeller (João Paulino, 64) e Adilson


Treinador: Domingos Barros


Exibição de luxo do Leça que regressa aos triunfos após uma segunda parte em que apresentou tudo aquilo que o caracteriza e com o regresso de Isaac Cissé que em seis minutos fez dois golos e também de Adilson aos golos o Leça afirma-se como sério candidato à subida.

O Valadares começou com Midana aos 5 minutos a criar a primeira grande oportunidade de jogo. 

O Leça com as linhas subidas condicionava a primeira fase de construção com uma grande dinâmica ofensiva com Isaac aos 25 a fazer tremer as varas aos defesas da casa por momentos. 

Midana Sambu era uma bela dor de cabeça para a defesa leceira, apresentando sempre muito critério nos momentos de decisão e no ritmo que impunha sempre que tinha a bola em sua posse.

O Leça com ligeiro ascendente, mas o equilíbrio de forças entre ambas as formações a dominar a primeira meia-hora de encontro. 

Van Zeller aos 33 após cruzamento de Cláudio Borges teve outra oportunidade de ouro. Com uma grande organização a nível defensivo e muito bem solidificado o Leça fechava a porta ao Valadares sempre que este imprimia velocidade pelos corredores laterais.

Aos 34 o Valadares mudou de estratégia com a entrada de Caleb passando a 4x3x3, em vez do 5x3x2. 

O Leça a jogar e a criar oportunidades, mas foi o Valadares a marcar na única vez que foi à baliza.

Aos 37 a equipa de Gaia inauguraria o marcador com Midana a recuperar uma bola a meio-campo que depois dá para Pedro Silva que desmarca o médio luso-guineense que com calma e subtileza coloca a bola no fundo das redes de Cristiano.

Mas sete minutos depois o Leça chegaria ao empate. Aos 44 o Leça arranca uma grande penalidade após uma entrada fora de tempo de Pedro Silva a Samuel Teles, com Adilson a falhar o primeiro remate mas numa segunda bola a bater Jefferson. Oitavo golo do avançado no campeonato.

Na segunda parte, primeira oportunidade aos 47 minutos por Ricardo Barros para o Valadares. A batalha a meio-campo foi o tema mais predominante do início da segunda metade, com o Leça bem melhor a todos os níveis e o Valadares a produzir muita pressão ao portador da bola, travando qualquer jogada de contra-ataque.

Mas foi assim que aos 69 minutos que Adilson colocou o Leça em vantagem. Lance rápido de contra-ataque com o avançado a fintar Quichini e isolado com um remate seco e forte a não pedir licença a Jefferson. Nono golo do avançado.

Aos 74, Isaac Cissé entrou em campo, para o delírio dos adeptos em Gaia no regresso do maior goleador da época passada e foi com ele que o Leça aumentaria para 3-1. 

Erro grave de Igor Rocha ao qual João Paulino com alguma ajuda da defesa da casa dá a bola ao ponta de lança costamarfinense que no primeiro remate assina o seu primeiro golo esta época pela equipa matosinhense.

Aos 79 o avançado costamarfinense mostra que está para dar e vender, Adilson na ala finta dois defesas que dá para Isaac Cissé que com o seu talento coloca a bola redondinha para dentro das redes do guardião da equipa de Gaia. 

Segundo golo do costamarfinense esta época com a camisola matosinhense e 14.º pela camisola do Leça.

A partir daqui, o Leça geria o encontro, mas o Valadares mostrava que queria mais e aos 82 e aos 88 Taofiq esteve perto de marcar o segundo, se não fosse as excelentes defesas de Cristiano.

O Leça, segundo classificado com 42 pontos, recebe na próxima jornada o Amarante, em jogo da 22.ª jornada.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC