segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

RESULTADOS E PROXIMA JORNADA

Resultados
VARZIM 1 LEIXÕES O
GRIJÓ 0 LEÇA FC 1
CANDAL 0 LAVRENSE 1
INFESTA 4 FOLGOSA 1
CANIDELO 3 PERAFITA 1
NOGUEIRENSE 3 LEÇA DO BALIO 1
CUSTÓIAS 2 PEROSINHO 1
OS LUSITANOS 3 PASTELEIRA 3
ALDEIA NOVA 1 GERVIDE 1
ESCOLA FUT 115 0 SENHORA HORA 3

Próxima jornada
27 ª Jornada da Ledman liga pro
Quarta-feira dia 15 de Fevereiro
LEIXÕES X AD FAFE
28 Jornada domingo dia 19 Fevereiro
Divisão d´Elite Serie 1 Jornada 24
LAVRENSE X GRIJÓ
LEÇA X PADROENSE
Divisão de Honra jornada 19
LEÇA DO BALIO X FC INFESTA
PERAFITA X ATAENSE
1ª Divisão Serie 1 jornada 18
GULPILHARES X OS LUSITANOS
BOUGADENSE X CUSTÓIAS
2ª Divisão Serie 1 jornada 18
DESPORTIVO DE PORTUGAL X SENHORA DA HORA

S. PEDRO DE FINS X GD ALDEIA NOVA

INFESTA VENCE DUELO DE CANDIDATOS

Parque de Jogos Manuel Ramos – Arroteia S. Mamede infesta
Árbitro Luís Rocha
INFESTA 4 FOLGOSA 1
Ao intervalo, 1-0, golos, Mário (15), Paiva (50 e 72), Marco 55 pb e 87).

INFESTA: Miguel, Sousa, Lucio, Teixeira, Estrela (André Fernandes 81), Soares, Vitinha, (Varela 71) Mário (Ricardo 81), Paiva, Rui Ferreira (Neto 81) e João Rodrigues. Treinador Jorginho.

FOLGOSA MAIA: Fábio, Azevedo, Marco, Zé Pedro, Joel (Tiago 76), Pedro Costa (Jorginho 76), Dinis, Bruno Carneiro (Serginho 76), Ribada (Rolando 56), Ricardo e Pedro Almeida (Coelho 76). Treinador Pedro Fontes.

O Infesta bateu o Folgosa da Maia, adversário directo na luta pelos lugares cimeiros do campeonato, por expressivos 4-1. A equipa de Jorginho, que mantém o sonho de terminar o campeonato nos quatro primeiros lugares, deu um passo muito importante ao bater o seu adversário e ficou com vantagem no confronto directo, em caso de igualdade pontual no final da temporada.
A primeira parte foi equilibrada e bem disputada entre duas boas equipas que demonstraram bem o porquê dos lugares que ocupam na tabela classificativa. A equipa da casa chegou à vantagem aos 15 minutos por Mário que na cobrança de um livre, descortinou uma brecha na barreira e atirou junto ao poste esquerdo do guarda-redes Fábio, inaugurando o marcador. Aos 28 minutos, o Infesta esteve perto de aumentar a vantagem por Estrela que em boa posição e após uma defesa incompleta do guarda-redes forasteiro, atirou por cima. O Folgosa aos 38 minutos criou perigo num centro-remate de Zé Pedro, com o guarda-redes do Infesta, Miguel, atento e a intervir com segurança.

A segunda parte praticamente iniciou com o segundo golo do Infesta, após uma boa jogada de Rui Ferreira, Paiva em zona de ponta-de-lança aumentou a vantagem para dois golos, aos 50 minutos. O ataque do Infesta criava várias jogadas de perigo, João Rodrigues de cabeça, atirou ao lado e na jogada seguinte, num contra-ataque rápido, Estrela cruzou para a área onde estava novamente João Rodrigues, mas o defesa Marco, ao aliviar, introduziu a bola na sua própria baliza, fazendo o 3-0 a favor do Infesta. A equipa forasteira espevitou com o terceiro golo do Infesta e por três vezes, criou perigo ao guarda-redes Miguel, primeiro foi Serginho que rematou à trave após um pontapé de canto e depois Ribada e novamente Serginho, colocaram à prova Miguel que teve de se aplicar para evitar que o Folgosa da Maia reduzi-se. Aos 72 minutos, o Infesta chegou ao quarto golo, Sousa pela direita fez um espectacular cruzamento ao segundo poste onde apareceu Paiva que emendou e fez o seu segundo golo no jogo. Marco, era o jogador mais inconformado dos visitantes e aos 87 minutos, numa jogada confusa na área do Infesta, redimiu-se do auto-golo e conseguiu desfeitear Miguel, marcando o tento de honra para o Folgosa da Maia.

A vitória é incontestável e mais que merecida do Infesta que ultrapassa o seu adversário na tabela, somando 31 pontos e subindo ao quarto lugar com os mesmos pontos do Nun’Alvares (3º) e Dragões Sandinenses (5º). Na próxima jornada, o Infesta defronta o Leça do Balio em Santa Cruz do Bispo.

Foto Carla Ferreira
FC Infesta

LAVRENSE VENCE FORA E CONTINUA FOCADO…

Estádio Rei Ramiro, Candal-Gaia
Árbitro Samuel Cunha
CD CANDAL 0 UD LAVRENSE 1
Ao intervalo 1-0, Golo Zé Campos (42 gp)

CANDAL: Colaço, China, Organista, Baresi (Dani 67), Pedro Sá, Hélder Duarte, Candé e Renato (Lusinho 75), Barros (Pedro Cunha 46), Bem, Garva (serafim 37). Treinador Rui Conceição.

UD LAVRENSE: Tiago Oliveira, João Magalhães, João Palheira, Ferreira, Abílio,  Ramos, Wendel, Zé Campos, Carlitos (Paulinho 64) Tiago Carvalho e Cheta (Mesquita 82). Treinador António Gaiteiro. 

A equipa orientada por António Gaiteiro, deslocou-se ao terreno do Candal (Estádio Rei Ramiro) e impôs uma derrota aos azuis que já não perdiam em casa há cinco jogos

Apesar de sintético novo, o terreno de jogo estava quase impraticável nos corredores (muito encharcado). A equipa visitante cedo chamou a si o comando do jogo, inclusive fez um golo por Ramos na sequência de um livre que o árbitro anulou de pronto, marcando falta atacante (que não nos pareceu). Em cima do minuto 41, Cheta é derrubado dentro da área de rigor (penalti) Zé Campos chamado a converter não vacilou e afez o único golo da partida. O Candal reagiu muito forte nos últimos minutos do primeiro tempo, tendo inclusive conquistado vários cantos, mas com tudo as equipas foram para intervalo com o golo solitário de zé Campos

Logo a abrir a o segundo tempo, Tiago Carvalho falha o 0-2, de uma forma que não é habitual ao avançado Lavrense. A partir daqui o jogo equilibrou, jogado a bom ritmo, prejudicado por vezes pela estado do terreno, mas o resultado trazido do primeiro tempo foi o que prevaleceu.
Nota  de destaque: A estreia absoluta de Ferreira (jogador oriundo do Inter Freguesias de Vila do conde) que fez uma exibição notável, destaque também para o jovem Ramos que no lugar do lesionado Amílcar, deu bem conta do recado.
Próxima jornada Lavrense vs Grijó

LEÇA FIRME NA PERSEGUIÇÃO AO PÓDIO

Estádio Municipal de Grijó – Gaia
Árbitro, Tiago Sá
AD GRIJÓ 0 LEÇA FC 1
Ao intervalo, 0-0, golo João Paulo Noura (88)

GRIJÓ: Tiago Pinto, Filipe (Ricardo Reis 79), Pedro, Machado, César, Jorge, Pedro Ferreira, Tiago Carvalho, Diogo Cunha (Emanuel 79), Lapa, Pedro Coelho (Bruno Silva 63). Treinador Óscar Nogueira.

LEÇA: Diogo, João Paulo Noura, André Rocha, Bruno, Paulo Lopes (João Pereira 65), Jair, Pedras (Tiago Borges 79), David (Alexandre 79), Álvaro (Areis 85), Marcos Silva e Joel. Treinador Domingos Barros.

Jogo se pautou pelo equilíbrio,  com a equipa da casa a conseguir duas jogadas de bastante perigo anuladas prontamente por João Paulo Noura e Diogo respectivamente. Passado o susto, o Leça tomou conta do jogo, apesar do estado insuficiente do relvado e do mau tempo que se fez sentir, os leceiros estiveram à beira de marcar uma ou outra vez, tendo inclusive enviado uma bola a barra.

Segunda parte foi praticamente de sentido único, os leceiros com as alterações efetuadas pelo Mister Domingos Barros foram sempre superiores ao Grijó. E foi já bem perto do fim que João Paulo Noura, na sequência de um ponta pé de canto apontado por Alex, atirou a contar para as suas cores fazendo justiça a persistência leceira em busca dos três pontos.  
Nota a de destaque: O grande apoio prestado pelos adeptos leceiros que responderam a massa nesta deslocção.

Próxima jornada: Leça FC v Padroense FC

AO FIM DE 4 VITÓRIAS CONSECUTIVAS LEIXÕES CONHECE A DERROTA


26.ª jornada da Ledman Liga Pro
Estádio do Varzim SC, na Póvoa de Varzim.
Árbitro: Pedro Vilaça (AF Viana do Castelo)
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Nelsinho (53'), Leonel Olímpio (79'), Villagrán (86'), André Teixeira (87') e Tino (90+1').
Varzim - Leixões, 1-0.
Ao intervalo 1-0.Marcadore:Rui Costa, (6)

Varzim: Paulo Vítor, Jean, Sandro, Jeferson, Delmiro, Leonel Olímpio, Estrela (Nélson Agra), Nélsinho, Diego Barcelos (Villagrán, 16'), Rui Costa e Mailó (Chikhaoui, 77').Treinador: João Eusébio.

Leixões: Assis, André Teixeira, Silvério (Jorge Silva, 38'), Wellington, Lucas, Bruno China (Tino, 65'), Salvador, Bruno Lamas, Ludovic (Fatai, 62'), Procelis e Fati. Treinador: Daniel Kenedy.

A partida acabou marcada por uma interrupção, já em cima do minuto 90, depois de desacatos nas bancadas entre os adeptos das duas equipas, iniciados após o arremesso de uma tocha dos adeptos visitantes para bancada onde estavam os apoiantes dos poveiros. O incidente, que acicatou os ânimos entre ambas as falanges, forçou à intervenção das forças policiais, já depois de algumas cadeiras terem sido arremessadas para o terreno de jogo, obrigando o árbitro da partida a interromper a partida, durante cerca de 6 minutos, para que os ânimos serenassem.
Antes deste acontecimento, os presentes no estádio poveiro assistiram a um desafio emocionante, disputado a um ritmo intenso e com uma grande entrega dos jogadores de ambas as equipas, que manteve o resultado em aberto até ao final. Os poveiros acabaram por ter uma entrada mais eficaz, com Rui Costa, logo aos seis minutos, a aproveitar um passe de Jean para irromper na área leixonense e, com um remate cruzado, inaugurar o marcador. Apesar do inicial revês, a formação de Matosinhos não atirou a 'toalha ao chão' e de imediato foi em busca da recuperação, com Fati em destaque, num par de ocasiões, a que o guardião do Varzim, Paulo Vítor, se opôs com atenção. Os poveiros, que apostavam no contra-ataque, tiveram, perto dos 20 minutos, num remate de Mailó, oportunidade para ampliar o resultado, valendo a intervenção do guarda-redes leixonense Assis. Na reposta a este lance, foi o guardião da casa a voltar a mostrar reflexos, travando um remate de Fati e cobrindo o ângulo à recarga de Porcelis, que atirou ao lado, mantendo o 1-0 com que se chegou ao intervalo.


No segundo tempo, o Leixões mostrou-se bem mais acutilante, e, quase sempre, dominador, embora sem traduzir em eficácia as oportunidades criadas. Entre esses lances, destaque para um remate de Bruno China, perto da hora de jogo, que o defesa dos poveiros Delmiro 'limpou' em cima da linha de golo. Apesar da insistência dos forasteiros, a equipa da Póvoa de Varzim conseguiu manter a sua consistência, segurando, até ao final, o 'magro' pecúlio e a vitória.

Foto Máfia Vermelha 
Lusa

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC