RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 9 de fevereiro de 2020

SUB 13.2 DO LEIXÕES TRIUNFAM E 13.1 DESAIRAM

Neste fim de semana os sub 13.2 do Leixões triunfaram em casa do Rio Tinto por 2-0 e os 13.1 perderam em casa do Boavista por 2-1.

Os sub 13.2 na jornada 17 triunfaram e são segundos classificados com 39 pontos e no próximo jogo vão ao terreno do Pedras Rubras.

Os sub 13.1 estão no sétimo lugar com 33 pontos e na próxima jornada recebe o Valadares.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

SUB-19 DO LEIXÕES TERMINAM EM SEGUNDO LUGAR

Os sub-19 do Leixões terminaram a Série A em primeiro lugar com 43 pontos, a um do play-off de campeão, vencendo o EDCG por 2-1, nos últimos segundos.

O Leixões esteve a perder até aos 2 minutos finais mas no 5 para 4 virou o jogo.

Sílvia a 1 minuto do final e Sofia nos últimos segundos fizeram os golos do Leixões.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

LEIXÕES SOBE NO PÓDIO DA DIVISÃO DE ELITE

Empate a dois, alcançado em Gaia, pela turma leixonense, a duas bolas permite mesmo assim subir ao pódio da Liga de Elite de futsal feminino.

Marta e Margarida apontaram os golos do Leixões.

Anselmo Amaro, no final: "Jogo bem disputado em que creio que nos faltou um pouco de sorte para o podermos vencer. A equipa entrou focada, mas apesar de tantos remates, não conseguimos fazer a diferença necessária"

O Leixões, terceiro classificado com 18 pontos vai terminar esta fase neste mesmo lugar ou em quarto pois na próxima jornada recebe o Maia Futsal, sábado, às 20:30 que pode se tornar campeão caso o EDCG não consiga triunfar uma hora e meia antes.


Fonte da Foto: DR


Diogo Bernardino

SUB-18 DO LEIXÕES SOMAM E SEGUEM

Os sub-18 do Leixões somam e seguem no campeonato após triunfarem em casa do Grijó por 3-1, em jogo da jornada 19 do campeonato distrital da 1.ª Divisão Série 1.

Cunha e Fonseca (x2) apontaram os golos da formação leixonense.

O Leixões, segundo classificado com 40 pontos vai ao terreno do Pedras Rubras na próxima jornada.


Fonte da Foto: Duarte Rodrigues


Diogo Bernardino

LEIXÕES REGRESSA AOS TRIUNFOS NO CLÁSSICO PISCATÓRIO

Estádio do Mar, em Matosinhos.
II Liga (Jornada 20)
Árbitro: Fábio Melo (AF Porto)
Leixões 1-0 Varzim

Ao intervalo: 0-0
Marcador: André Claro (64)
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Hugo Gomes (76), Lumeka (86), Baba Sow (89), Pedro Ferreira (90) e Leonardo Ruiz (90+3).


Leixões: Stefanovic, Zé Carlos, Pedro Pinto, Bura, Derick Poloni, Amine, Romário Baldé (Pana,76), Luís Silva, Avto (Franco, 90), André Claro (Pedro Monteiro, 90+4) e Harramiz.

Treinador: Manuel Cajuda.


Varzim: Serginho, João Amorim, Hugo Gomes, Luís Pedro, Cerveira, Pedro Ferreira, Soisalo (Frédéric, 73), Rui Moreira (Stanley, 83), Caetano (Baba Sow, 68), Lumeka, Leonardo Ruiz.

Treinador: Paulo Alves.


O Leixões retira um enorme peso das suas costas regressando aos triunfos no clássico frente ao Varzim, em que as estreias de Zé Carlos e Romário Baldé foram fundamentais, como Avto que se apresenta em campo como um reforço de grande peso.

O golo de André Claro aos 65 minutos selou o regresso às vitórias, voltando aos triunfos nove jogos depois, quase três meses depois. Embalado pelos novos processos de Manuel Cajuda a formação matosinhense, Zé Carlos (ex-Leça) e Romário Baldé (ex-Gil Vicente) não acusaram as dificuldades, ambos seguros a defender e a participar nos momentos ofensivos do Leixões.

A formação leixonense apresentava com uma tática diferente de Carlos Pinto com a incorporação do segundo avançado atrás do ponta de lança (4x2x3x1), sendo que André Claro passava sempre a jogar ao lado dos alas neste caso Avto e Romário Baldé.

Outra novidade nos processos de Manuel Cajuda é que Derick Poloni e Avto passam a ser os homens das bolas paradas, quer seja em livres ou em cantos.

A receita produzida nos últimos jogos deu frutos, com os 'bebés do mar' a mostrarem uma enorme evolução em relação às últimas partidas. Tomou conta das iniciativas de jogo, sendo que o Varzim tardou muito tempo a criar lances de perigo nos primeiros 20 minutos do encontro.

Romário e Bura aos dois e cinco minutos de jogo criaram frisson na baliza de Serginho que teve aos 24 minutos a primeira grande intervenção da partida, quando Derick Poloni cruzou para a cabeça de Harramiz que quase fez golo.

O Varzim tinha dificuldades em ultrapassar o bloco consistente e consciente da formação da casa mas aos 25 minutos numa jogada rápida Lumeka tentou um chapéu a Stefanovic que só à segunda conseguiu uma excelente intervenção.

O Leixões com um melhor início, mas o Varzim conseguiu responder com um jogo de parada e resposta, com Rui Moreira (27) e Baldé (33) a terem excelentes oportunidades para apontar.

Aos 42 Leonardo Ruiz consegue ganhar uma bola após uma desatenção da linha defensiva leixonense, com Stefanovic a ficar mal na fotografia e Bura a tirar a bola em cima da linha da baliza.

A estratégia do Leixões no segundo tempo consistia em aproveitar bem os espaços concedidos pela formação do Varzim, pressionando muito alto e a tomar conta do jogo.

O Leixões apostava na mudança de todos os elementos do ataque, com Romário Baldé a jogar como ponta de lança durante 15 minutos da segunda parte e Harramiz no lado direito do ataque. 

Aos 60 minutos Harramiz teve uma excelente incursão pela direita que deu a bola para Avto que deixando um adversário para trás e arrastando a linha defensiva do Varzim, rematou fraco para as mãos de Serginho.

Aos 65 a explosão de alegria, quando Avto, o melhor elemento do Leixões em campo consegue flanquear da direita para o centro que serve Harramiz que dá para André Claro que no coração da área poveira coloca a bola no fundo das redes para delírio das bancadas do Mar. Sétimo golo pelo Leixões, e o sexto no campeonato.

O Varzim tentava responder com mais homens na frente do ataque mas as entradas de Frederic e Stanley não trouxeram muito à formação varzinista.

Aos 80 Harramiz podia ter fechado o encontro, num lance de contra-ataque de Derick Poloni que abriu alas e não pediu licença para um cruzamento para Harramiz que com dificuldades remata com a bola a rasar o poste da baliza varzinista. 

Aos 84 Zé Carlos teve a única oportunidade de golo nos últimos 10 minutos de jogo pois sempre que o Varzim bombeava bolas para a frente, o Leixões liderados pelo central Bura sempre tirava os perigos sem qualquer tipo de dificuldade.

O Leixões é oitavo classificado com 28 pontos e na próxima jornada vai ao terreno do Feirense, no próximo sábado às 17:15.


Fonte das Fotos: Leixões SAD  


Diogo Bernardino

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC