RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 20 de maio de 2012

CAMPEÕES PERAFITENSES NÃO CABEM EM SI DE FELICIDADE

SENINHO PINTO CAMPEÃO PELO FC PERAFITA

"Foi o meu 3º título o 1º através do FC Pedras Rubras da 3ª divisão para a 2ª B o momento mais alto da minha carreira e no Custoias FC nesta mesma divisão.Este para mim teve outra importância visto em Junho ter sido operado ao joelho e passadoalguns momentos difíceis nunca deixei de acreditar na recuperação.Iniciei a minha recuperação no Perafita e mais tarde fui convidado pelo Mister para ajudar o Perafita nos seus objetivos dada a lesão do Nandinho, aceitei e ajudei no que pude embora não ter sido muito utilizado mas sempre que fui chamado para ajudar estive presente e ainda deu para marcar 1 golo.
Um excelente plantel composto de jogadores com muita experiencia e alguma juventude que fizeram este Perafita com alguma naturalidade Campeão. Foi um prazer ter partilhado neste grupo de trabalho e agradecer a os que sempre me apoiaram e infelizmente não foram todos mas ganha a maioria. O brigado por ter oportunidade de partilhar mas um titulo."

DANIEL CHETA AVANÇADO DO FC PERAFITA CAMPEÃO

“Foi um grande feito e completamente merecido por esta equipa
Nem sempre conseguimos jogar bem, apanhamos terrenos difíceis e equipas que não querem nem deixam jogar a bola....porque ao contrario do que muita gente pensa e nos tira o mérito, e que por estar nesta serie iria ser mais fácil mas só pensa assim quem não conhece nem viu este campeonato
Mas o que importa neste momento e que subimos e fomos campeões de serie
Quanto ao grupo não estava mesmo a espera que fosse tão forte, tão unido e amigo e que por isso só podíamos ter este sucesso no final. E para o ano espero repetir o sucesso.”

PAULINHO OLIVEIRA AVANÇADO DO FC PERAFITA E DO MELHOR ONZE DE MATOSINHOS ELEITO PELOS MATOSINHENSES

" Estou bastante feliz com o título, é a segunda vez que sou campeão mas este têm outro sabor! Acho que não vou ter outra oportunidade, porque a minha idade não me vai permitir para muitos mais anos futebolísticos. Em relação há equipa estou no F.C.Perafita há 10 anos, nunca encontrei um grupo como este e foi sem dúvida a chave do sucesso desta equipa e de uma grande equipa técnica e a direção."

CONFIRMADA SUBIDA ANUNCIADA


Magalhães confirma subida anunciada
Empate foi a palavra mágica que faltava ao Infesta para fazer a festa da subida. O objectivo confirmou-se no sintético do Municipal de Grijó. Mesmo assegurando a igualdade, a formação orientada por José Manuel não teve tarefa fácil. Apesar de ter aberto o ativo, por Magalhães, os visitantes viram-se, após o descanso, submersos pela maior dinâmica de ataque dos gaienses. Nessa assomo final, o empate surgiu por João. Vando, à beira do fim, ainda enviou a bola à barra.

Grijó 1
Infesta 1
Estádio Estádio Municipal de Grijó,em Vila Nova de Gaia
Árbitro António Silva (Viseu)
Ao intervalo 0-1
Golos Magalhães (36) e João (68).

AD GRIJÓ: Isaac, Miguel, Ricardo Viana, Volta, Artur (Maté, 81), Dany (Loureiro, 59) , Careca, Marco, João,Vando, Napoleão (Bruno Faria, 76) . T. Óscar Nogueira

FC INFESTA: Duarte, Jorginho, Rui Jorge, Carlos, Pedro Pereira, Rui Franco, Vitinha I, Pedro Nuno, Magalhães, Vitinha II (Serge, 73), Oliveira (Guedes, 68). T. José Manuel

O JOGO

CUSTÓIAS DESPEDE-SE COM UMA DERROTA EM CASA


DIVISÃO DE HONRA 34 JORNADA
Estádio do Custóias FC
CUSTÓIAS 0 FC LIXA 1

CUSTÓIAS: Márcio, Pessoa (Mário Rui), Luizão (Joel), Noura e Magalhães; Dias, Eduardo e Renato; Gandarela, Tiago Carvalho e David (Caramalho). Treinador Paulo silva

Fim da época, jogo em que nada havia para se decidir, a não ser a ténue hipótese de o Lixa chegar ao terceiro lugar, que para isso acontecer o FC Pedras Rubras tinha de perder na deslocação a Oliveira do Douro.
A equipa custóiense nunca em momento algum foi inferior ao seu adversário, que terminou o campeonato em quarto lugar. Até teve primeiro a melhor chance de abrir o marcador quando Tiago Carvalho em boa posição permite a defesa do guarda-redes forasteiro, o avançado que esta época foi protagonista de um caso raro no futebol, pois subiu com o Infesta e desceu com o Custóias, fez tudo bem, driblou o adversário tirando da frente, mas na hora de rematar não foi feliz.

O segundo tempo, a equipa do Lixa fez da eficácia a sua arma e adiantou-se no marcador, por Luciano que cabeceia a segundo poste, na sequência de uma falta inexistente marcada pelo árbitro da partida. Noura ameaçou o empate pouco depois na sequência de um pontapé de canto marcado na direita por Gandarela. O maior destaque desta partida vai para o regresso à competição do jovem médio Joel (Deco) seis meses depois de contrair uma grave lesão.
A equipa do Custóias, que foi orientada pela última vez pelo técnico Paulo Silva, não conseguiu fechar o campeonato com uma vitória frente aos seus adeptos.

APESAR DE TUDO RESOLVIDO, LEÇA MANTEM CONSISTENCIA



III Divisão Série B 2011/2012 Manutenção Jornada 9
Estádio Dr. Augusto César de Carvalho – Mêda (Guarda)
SP. MÊDA 0 LEÇA FC 0

LEÇA: Tiago oliveira, Telmo Queirós (Zé D´Angola), Tiago Madalena, Zé Sores e Daniel; Hélder Silva, Amaral, Ricardinho (Sérgio Vasconcelos) e Paiva; Nuno Martins (João Alves) e Cerejo. Treinador António Monteiro (Caneco)

Com tudo, já resolvido em relação a quem desce e quem fica nesta divisão, num jogo para cumprir calendário. A equipa do Leça encarou este jogo como se ainda precisa-se dos pontos em disputa.
Os Leceiros viajaram até terras serranas, com o propósito de confirmarem a excelente campanha vivida nesta fase. O jogo foi dividido e o equilibriu foi nota dominante, o Leça entra melhor na partida, e quase surpreende a equipa anfitriã, aos poucos os homens da casa equilibram a contenda, e ameaçam a baliza leceira, à guarda do jovem TIAGO OLIVEIRA, estreia absoluta esta época, que se portou a grande altura, dando indicações, aliás como na época anterior de que podem contar com ele, e que abaliza leceira tem o futuro garantido.

Na segunda metade, mais do mesmo, equilibriu total, o nulo alcançado no final do encontro, reflete o que se passou ao longo dos noventa minutos, em que a segurança defensiva foi evidente e conseguiu suster ambos os ataques. Destaque para a equipa do Leça, do médio AMARAL, que realizou um exibição segura e consistente, e do lateral ex junior TELMO QUEIRÓS, dando também boas indicações, ambos demonstrando que querem ficar no plantel leceiro para a próxima época.
Próxima jornada, dia 27 de Maio, ultima da época 2011/2012, a equipa do Leça vai receber no seu estádio o líder desta fase Serzedelo.

JOSÉ MANUEL RIBEIRO UM TREINADOR DE SUCESSO

INFESTA REGRESSA À II DIVISÃO PELA MÃO DE UM JOVEM TÉCNICO (38 anos) PROFESSOR ZÉ MANEL LEVA DUAS SUBIDAS CONSEQUTIVAS.

No final, o técnico do Infesta, José Manuel Ribeiro era um homem feliz:
O treinador do ano do futebol de Matosinhos, não cabia em si de contente.

"Dominamos a primeira parte, onde marcamos um golo, na segunda parte tivemos a oportunidades de fazer o segundo golo, mas não conseguimos e o Grijó, mais uma vez de bola parada consegue marcar. Os jogadores naquele momento, notavam-se que estavam tensos, mas não os posso criticar por isso porque só quem está na pele deles é que sabe o que eles sentem. Dedico esta vitória ao Duarte, porque além do esforço que ele fez, fez uma grande defesa que nos deu o empate e foi decisivo. Foi uma época fantástica, ninguém estava a contar com esta subida. Eu tinha como objetivo pessoal, subir à 2ª Divisão antes dos 40 anos, tenho 38, foi mais cedo do que esperava e quero agora criar raízes nesta divisão com o Infesta que é um clube claramente de 2ª Divisão Nacional. Com as atuais infraestruturas, não podemos almejar subir mais, sabemos das dificuldades que nos vão ser criadas na próxima temporada e quem sabe, daqui a dois, três anos, alcançar outros objetivos. Devo tudo isto a todas as pessoas da direção do clube, aos meus adjuntos, aos roupeiros, ao posto médico mas acima de tudo aos jogadores."

INFESTA ESTÁ DE REGRESSO À II DIVISÃO NACIONAL

III Divisão serie B fase de promoção 9 Jornada
Estádio Municipal de Grijó
Árbitro, António Silva (AF Viseu)
AD GRIJÓ 1 FC INFESTA 1
Ao intervalo, 0-1, Marcadores Maga (34)João (64)

Onze do Infesta


Três anos depois, o Infesta está de regresso à 2ª Divisão Nacional. Com o empate alcançado esta tarde em Grijó a uma bola, o Infesta consegue a uma jornada do fim a segunda subida de divisão consecutiva.

No encontro desta tarde, o Infesta entrou melhor, com mais posse de bola, jogando no meio campo do adversário e só esporadicamente é que a equipa da casa, saia a jogar.
O primeiro lance de perigo apenas ocorreu aos 18 minutos quando num livre da esquerda de Vitinha I, Carlos Pinto joga ao segundo poste de cabeça onde aparece Pedro Nuno que chega um pouco atrasado ao lance, passando o perigo para a baliza de Isac. A partir dos 25 minutos, o Grijó equilibrou a contenda e Bruno Carvalho era o mais inconformado dos jogadores da casa, tendo nos seus pés dois remates perigosos à baliza do Infesta, onde estava Duarte que com maior ou menos dificuldade, ia defendendo. Aos 34 minutos, o Infesta chega à vantagem por intermédio de Maga que num cruzamento vindo da direita, o avançado do Infesta à entrada da área, para a bola no peito e remata de primeira fazendo um golo de antologia. Grande golo de Maga. O intervalo chegou com o Infesta em vantagem.

Na segunda parte, o Grijó entrou com outra atitude e fez por merecer o empate. Mas o primeiro lance de perigo, pertenceu ao Infesta quando aos 61 minutos, Marco perde a bola no meio campo em zona proibida, Pedro Nuno deixa para Oliveira que desmarca Vitinha II na esquerda, galgando alguns metros, antes de sofrer falta à entrada da área. No livre, Vitinha I atira em jeito para Isac fazer a defesa da tarde. Pouco depois, o Grijó chega ao golo. Aos 68 minutos, João num livre direto à entrada da área, atira em jeito não dando hipóteses de defesa a Duarte. O Grijó cresceu e aos 73 minutos, Napoleão arranca em velocidade e perante o estorvo de Rui Jorge, atira para boa defesa do guarda-redes do Infesta. Cinco minutos depois, Vando tem a oportunidade de fazer o segundo golo quando num mau alívio de Rui Jorge, o jogador do Grijó toca de cabeça, Duarte estava adiantado e a bola acaba por embater na barra. Na jogada seguinte, triangulação entre Bruno Faria e Vando, com este ultimo a ficar isolado perante Duarte mas onde o guardião do Infesta se opôs bem à bola, mantendo o empate no marcador. Minutos depois, surge um cruzamento da direita do ataque do Infesta para Serge que estava no centro da área, mas Isac agarrou bem a bola. Até ao final, o Infesta foi controlando o jogo e conseguiu o ponto que lhe faltava para garantir a tão almejada subida de divisão. O árbitro do encontro, Sr.

António Silva de Viseu, fez uma boa arbitragem.

No final, a festa instalou-se no relvado...


...e no balneário.


FC Infesta site oficial

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC