RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

MAIS DO MESMO...ARBITRAGEM DECISIVA NO RESULTADO FINAL

Estádio do Mar, em Matosinhos.
Segunda jornada da 2.ª Liga 
Árbitro: Tiago Martins (AF Lisboa).
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Braga (04), Júlio Cesar (13), Amine (38), Rui Silva (45+1), Derick Polonia (51), Alhassan (52), Ruben Micael (60), Luís Silva (60), Jota (61), Witi (83), Bura (87), Kaká (88) e Pedro Perotti (90).
Leixões - Nacional, 1-1.
Ao intervalo 0-1 - Golos,  Rochez, (40`) Luís Silva, (53`)

Leixões: Ivo, Rui Silva, Bura, João Pedro, Derick Poloni, Amine, Luís Silva, Braga (Enoh, 58), João Graça (Vítor Bruno, 76), Harramiz e João Rodrigues (Junior Sena, 70).Treinador: Carlos Pinto.

Nacional: Daniel Guimarães, Kalindi, Júlio César, Rui Correia, Witi, Alhassan, Rúben Micael, Jota (Kaká, 68), Brayan Riascos, João Camacho (Gorré, 69) e Bryan Róchez (Pedro Perotti, 84).Treinador: Luís Freire.

Leixões e Nacional empataram este domingo 1-1, em jogo da segunda jornada da 2.ª Liga marcado pela grande intensidade e pelos 13 cartões amarelos mostrados.
Apesar de as duas equipas terem criado situações para marcar na primeira parte, apenas o Nacional conseguiu concretizar, aos 40 minutos, por Rochez, respondendo o Leixões na segunda metade, com o golo de empate de Luís Silva, aos 53.
O Leixões vinha de uma derrota fora e procurou tomar conta do jogo, impondo intensidade ao seu futebol e lançando os seus ataques quase sempre pelos corredores laterais, mas os seus cruzamentos não surtiram efeito.

A primeira grande situação ocorreu aos 17 minutos, quando Braga atirou ao poste direito, respondendo o Nacional dois minutos depois, com duas jogadas criadas por Brayan Riascos.
Aos 40 minutos, os insulares adiantaram-se no marcador, num lance em que João Camacho serviu Witi e este cruzou para Rochez, que fez o golo.
Depois de ter ameaçado o empate ainda antes do intervalo, o Leixões igualou o jogo aos 53. Na sequência de um canto cobrado por Derick Polonia, João Pedro desviou e Luís Silva encostou ao segundo poste.
Com a igualdade, o Leixões pressionou e o Nacional passou por algumas dificuldades, tendo João Rodrigues falhado uma grande oportunidade, aos 69 minutos, enquanto o conjunto visitante, aproveitando o adiantamento contrário, também esteve muito perto de passar para a frente, mas o guarda-redes Ivo evitou o golo de Riascos.

Nota: Em 3 jogos seguidos (1 para a taça da liga frente ao Maritimo)3 péssimas arbitragens ,com claro prejuízo para o Leixões.
 Neste jogo, doias lances com clara influência no resultado. 
1º O golo do Nacional procedido uma falta clara a nosso favor do Leixões não assinalada , quando o Árbitro Tiago Martins ia marcar e de repente deixa o lance prosseguir o qual originou o golo dos insulares. 
2º Tiago Martins não marca um pénalti claro para o Leixões, onde o defesa do Nacional já fora do lance se atira para cima do avançado do Leixonense impedindo de prosseguir o lance. 

fotos Duarte Rodrigues 

Sem comentários:

Enviar um comentário

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC