RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

9 MESES DEPOIS E COM O MESMO ADVERSÁRIO LEIXÕES VOLTA AS DERROTAS NO MAR



26ª Jornada da Ledman Ligapro
Estádio do Mar, em Matosinhos.
Árbitro: André Narciso (AF Setúbal)
Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pathe Ciss (38), Huang Wei (51), Luís Silva (53), Chastre (64), Bruno Lamas (72), Tiago Almeida (75), Ricardo Alves (78), Nuno Lopes (84), Betinho (87), Derick (90+3) e Luan (90+5).
LEIXÕES 0 UNIÃO DA MADEIRA 0
Ao intervalo: 0-1. André Carvalhas, 30 minutos.

LEIXÕES: André Ferreira, Jorge Silva, Huang Wei (Haman, 77), Ricardo Alves, João Lucas (Belima, 46), Semedo (Kukula, 36), Luís Silva, Breitner, Derick, Bruno Lamas e Ricardo Barros. Treinador: Francisco Chaló.

U MADEIRA: Chastre, Tiago Moreira, Allef Nunes, Miguel Lourenço, Nuno Lopes, Pathe Ciss, Nduwarugira, Tiago Almeida (Betinho, 87), André Carvalhas (Júnior Sena, 73), Luan e Alhassane Sylla (Flávio Silva, 46). Treinador: Ricardo Chéu.

Entrada livre levou 3.956 espectadores, ao estádio do Mar
União da Madeira é “besta negra” da turma leixoenense, pois foi última equipa a ganhar no Estádio do Mar, a 21 de maio de 2017, na 42.ª jornada da época 2016/17. A formação insular repetiu o feito graças a um livre direto, aos 30 minutos, apontado por André Carvalhas.
Usando de um meio-campo musculado e fazendo uma pressão muito alta, a equipa insular conseguiu condicionar o jogo do adversário, que até ao intervalo apenas por duas vezes criou perigo. Derick (oito minutos) falhou o alvo num dos raros momentos em que o Leixões conseguiu contra-atacar, enquanto Ricardo Alves (45'+1), na sequência de um pontapé de canto, cabeceou à figura do guarda-redes.
Com a imprevisibilidade de André Carvalhas a fazer estragos, o União criou a primeira situação de golo aos 10 minutos, num desvio do extremo sobre a barra. Dos pés do jogador formado no Benfica saiu também o livre (30 minutos) que acabou no fundo das redes, num lance em que André Ferreira pareceu enganado pela ação do colega Huang Wei. O guarda-redes do Leixões evitou o segundo tento, desviando para canto um remate do limite da área de Tiago Almeida (42').

A segunda parte foi de sentido único com o Leixões a investir no ataque em busca da reviravolta, mas nem Belima (47'), nem Bruno Lamas (66') acertaram com a baliza, antes de Chastre (69'), com uma grande defesa, negar o golo a Breitner.
Com este resultado, o U. Madeira subiu 16.º lugar, primeiro lugar acima da despromoção, enquanto o Leixões é sétimo classificado a 4 pontos dos lugares de acesso à 1ª liga.
Francisco Chaló  “Demos 45 minutos de avanço, o União foi mais cerebral , a Baliza foi pequena para nós”
Ricardo Chéu “Fizemos pela vida e fomos melhores nos duelos. Vitória da razão sobre o coração”
fotos Anabela Delgado 

Sem comentários:

Enviar um comentário

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC