RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 30 de agosto de 2015

PARA LÁ DO MARÃO MANDAM OS QUE LÁ ESTÃO


5ª JORNADA DA SEGUNDA LIGA 
 Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira, em Chaves. 
Árbitro: Hugo Miguel (Lisboa). 
Ação disciplinar: cartão amarelo para Miguel Ângelo (46 e 78), Gonçalo Graça (48), Pan Ximing (54), Assis (55), Ricardo Barros (65). Cartão vermelho por acumulação para Miguel Ângelo (78) e direto para Max (84). 
Desportivo de Chaves 3 – Leixões 0 
Ao intervalo: 2-0.Marcadores: Sandro Lima, (6` e 27) Siaka Bamba, (79) 

CHAVES: António Filipe, Tiago Almeida, Miguel Oliveira, Fábio Santos, Nélson Lenho, Assis, Luís Silva, Diogo Cunha, Braga (Siaka Bamba, 66), Sandro Lima (Barry, 74) e João Mário (João Reis, 65). Treinador: Victor Oliveira. 

LEIXÕES: Ricardo Moura, Gonçalo Graça (Pedras, 65), Pedro Pinto, Pan Ximing, Max, Rui André, Malafaia (Rui Cardoso, 46), Bruno Lamas, Rateira, Ricardo Barros, Jorginho (Miguel Ângelo, 46). Treinador: Manuel Monteiro. 

O Desportivo de Chaves entrou melhor na partida, mais aguerrido e pressionante e, praticamente a ganhar, com o golo de Sandro Lima, após assistência de Tiago Almeida. O Leixões mostrava grandes dificuldades defensivas, permitindo total domínio à equipa da casa, que, aos 27 minutos, aumentou a vantagem, de novo por Sandro Lima. A partida corria de feição aos comandados de Victor Oliveira e Braga, a cinco minutos do intervalo, com tudo para marcar, rematou ao lado. A equipa de Matosinhos só conseguiu criar perigo através de um livre de Rateira com a bola a rasar o poste. 

 
Na segunda metade, a equipa azul-grená continuava superior e, logo aos 46 minutos, Miguel Oliveira esteve perto de dilatar o marcador. A equipa da casa criava muito perigo a Ricardo Moura que, por duas vezes, negou o golo aos da casa. Tal como na primeira metade, os forasteiros só chegaram à baliza através de um livre de Bruno Lamas, aos 60. O Leixões ficou reduzido a dez unidades, depois da expulsão de Miguel Ângelo, aos 78 minutos, e os transmontanos, instalados no meio-campo do Leixões, chegaram ao terceiro golo por Siaka Bamba. Na reta final do encontro, Diogo Cunha foi chamado a converter uma grande penalidade, castigando falta de Max, que também foi expulso, mas desperdiçou.

Conferência de Imprensa
Manuel Monteiro
"O primeiro golo praticamente resolveu o jogo. Sofrer um golo tão cedo tornou muito mais difícil um jogo que já era muito complicado. O Chaves não jogou na quarta-feira e estava bem mais fresco do que nós, o que também foi determinante, mas o Chaves ganhou e ganhou bem. Quero dar os parabéns aos meus jogadores, porque lutaram muito mas não conseguiram o resultado que pretendíamos e que queríamos oferecer aos adeptos que nos acompanharam até Chaves. Agora vamos descansar um pouco e preparar muito bem o próximo jogo que é só daqui a 15 dias."
Vítor Oliveira
"Vitória justa da minha equipa com uma boa exibição. O resultado expressa bem a diferença exibicional das duas equipas. Precisávamos desta vitória para não deslocar dos primeiros. Parabéns aos meus jogadores pelo que fizeram num dia de muito calor e perante um Leixões organizado que trabalhou muito e complicou bastante a nossa tarefa."


Sem comentários:

Enviar um comentário

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC