RÁDIO CIDADE MATOSINHOS

domingo, 21 de novembro de 2010

LEIXÕES SEGUE EM FRENTE NA TAÇA DE PORTUGAL

O Leixões Sport Club está nos oitavos-de-final da Taça de Portugal. Hoje, em Espinho, frente ao Sporting local, o triunfo por 2-1 valeu a passagem à quinta ronda, cujo sorteio se realiza na próxima quinta-feira na sede da FPF.
Fábio Espinho, com dois golos, foi o homem do jogo, num dia especial para o médio leixonense, pois ajudou a eliminar a equipa da terra natal, onde jogou antes de se mudar para Matosinhos. Por respeito, Fábio nem festejou os golos marcados.
Num relvado em péssimas condições, o Leixões jogou o suficiente para cumprir a obrigação de ultrapassar o aguerrido adversário da II Divisão, que animou quando reduziu para 1-2, mas sem criar ocasiões para pôr em causa o triunfo da nossa Equipa.
Perante cerca de duas centenas de adeptos matosinhenses – incansáveis no apoio à Equipa evitaram que a claque espinhense se fizesse ouvir – o Leixões entrou na partida a dominar e Dyego (3’) deu o primeiro aviso, obrigando Renato a defender para canto.
Pouco depois, Fábio Espinho mostrou que não estava para brincadeiras e disparou à figura. Foi uma espécie de ensaio para o que aconteceu aos 12’, após um passe de Oliveira – a defesa dos “tigres” não cortou o lance e o n.º 10 leixonense, na cara de Renato, não desperdiçou a oportunidade de abrir o activo.
Sem grandes ocasiões de perigo, o intervalo chegou escassos minutos depois de um lance polémico: na sequência de um canto de Oliveira, Danilo cabeceou, ao segundo poste, para a zona do penálti onde Felipe Melo deu mão de forma clara, mas o árbitro marcou uma falta do n.º 4 do Leixões que ninguém viu!
O segundo tempo arrancou com o Leixões a elevar para 2-0 com um golaço de Fábio Espinho. Centro para a área, corte para a zona da meia lua e Fábio Espinho a aplicar um potente tiro de pé esquerdo que só parou no fundo da baliza.
Pensou-se que tudo estava resolvido mas o Espinho não baixou os braços e partiu em busca de um golo que relançasse a partida. O que viria a acontecer aos 67’, pelo recém-entrado Carlitos, num lance rápido em que a bola foi lançada para as costas da defesa leixonense para o dianteiro espinhense bater Ricardo.
Contra o vento e com um relvado cada vez em pior estado, o Leixões teve então de suportar a reacção do adversário, que passou a sonhar com o prolongamento.
Só que a defesa matosinhense soube anular o futebol directo do adversário e até foi Rui Pedro quem teve nos pés a ocasião mais flagrante (75’). Só que Renato fez bem a mancha e evitou o 1-3.
Triunfo justo da nossa Equipa (já afastou Vila Meã, Mafra e Espinho), que se mantém de pé na prova que já conquistou em 1960/61 e que aguarda agora pelo que ditará o sorteio da próxima quinta-feira.
Mas a 5.ª eliminatória (oitavos-de-final) da chamada festa do futebol apenas se realiza no fim-de-semana de 11 e 12 de Dezembro. Antes disso, há dois jogos importantes para a Liga Orangina (próximo domingo no terreno do Estoril e daqui por duas semanas com o Fátima no Mar).

http://leixoes-sc.blogspot.com/

Sem comentários:

Enviar um comentário

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEIXÕES SC EQUIPAS DE SONHO

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

LEÇA FC EQUIPAS QUE FIZERAM HISTÓRIA

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

FC INFESTA GRANDES EQUIPAS

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

PADROENSE FC EQUIPA QUE SUBIU Á II NACIONAL

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

SC SENHORA DA HORA EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

CUSTÓIAS FC AS SUAS EQUIPAS

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

UD LAVRENSE A MELHOR EQUIPA

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

FC PERAFITA AS SUAS EQUIPAS

D LEÇA DO BALIO

D LEÇA DO BALIO

OS LUSITANOS SCFC

OS LUSITANOS SCFC